A rede hoteleira de Gramado, na serra gaúcha, aumentou de 101 estabelecimentos em 2000 para 122 em 2003, o que representa um crescimento de 20% e um acréscimo de 27% no número de leitos (de 5.801 para 7.403).

Com isso, a cidade mantém-se como a segunda com a maior estrutura receptiva do Rio Grande do Sul, ficando atrás somente de Porto Alegre.