Toboágua: diversão na água quente.

As belezas naturais de Santa Catarina atraem gente de todas as partes do País e exterior. Não é raro o visitante se apaixonar pela magia da “Pequena Notável” do Sul e fixar-se definitivamente em alguma parte do seu território. Das serras ao litoral, dos planaltos aos verdejantes vales, das vastas planícies às montanhas cobertas pela Mata Atlântica, a natureza não economizou cores e tintas para compor esse cenário único. Como se isso não bastasse, ainda brindou o estado com quase duas dezenas de fontes de águas termais que brotam da terra a uma temperatura de até 39 graus com propriedades terapêuticas tidas entre as melhores do mundo.

Sinônimo de saúde, lazer e qualidade, o Complexo Termal de Gravatal, no Sul de Santa Catarina, destaca-se pela localização privilegiada, a quarenta quilômetros do mar e a setenta quilômetros da fantástica Serra do Rio do Rastro. Trata-se do maior conjunto hidromineral do Sul do País, situado no município de Gravatal, a 160 quilômetros de Florianópolis.

Na sede do município, localizado a 450 quilômetros de Curitiba, é possível observar ainda hoje as marcas dos primeiros colonizadores portugueses, no estilo açoriano dos casarões coloniais e nas estreitas calçadas do centro da cidade. Gravatal foi fundada em 1842 pelo português João Martins de Souza. O nome tem origem na palavra indígena karaw?ata – o gravatá – muito comum na região. Com os portugueses chegaram os primeiros negros que, junto com os índios, deram início às grandes plantações de mandioca e cana-de-açúcar. Surgiram os engenhos de farinha e os alambiques para a fabricação do açúcar e da cachaça. Toda a produção era escoada até Tubarão por carros de bois ou até o porto de Laguna, pelo Rio Tubarão. Entre 1880 e 1885 começaram a chegar os primeiros descendentes de italianos. De 1910 a 1920 foi a vez dos alemães. Gravatal já era destaque pela existência de um porto fluvial que servia de ligação entre a região serrana e a cidade de Laguna.

O interesse pela exploração econômica da antiga “fonte” com águas quentes, já conhecida dos índios há muito tempo, surgiu nos anos 60 com a construção do primeiro hotel. Era lá que famílias, principalmente do Rio Grande do Sul, passavam suas férias, desfrutando a beleza do lugar, a hospitalidade dos moradores e o conforto e o poder curativo e transformador das águas.

Hoje, Gravatal é um ponto de referência no turismo do Mercosul. O carro-chefe da estância, situada a cinco quilômetros do centro da cidade, é o termalismo.

As águas termais de Gravatal são excepcionais, entre os melhores do mundo, depois do complexo Aux-les-Thermes, na França. Superam até mesmo a famosa estância de Baden-Baden, na Alemanha. As propriedades terapêuticas das suas águas são indicadas para diversos males, como dermatoses, artrites, neurite e para o sistema nervoso.

Com temperatura média de 37 graus na fonte, suprem todas as necessidades de distribuição de águas para os hotéis, com suas banheiras, balneários, piscinas e uma infinidade de chuveiros. A Estância Termal de Gravatal está situada em um belíssimo vale, entre bosques, montanhas e clima agradável. Possui completa infra-estrutura de atendimento, com vários hotéis, cabanas e chalés, num total de 1.114 leitos. Seu comércio é constituído de 180 lojas onde são encontrados os mais diversos produtos, entre malhas, couro, roupas de banho, ginástica, cama-e-mesa, artesanato, mel, bolachas e biscoitos, embutidos e produtos coloniais. Possui ainda áreas para camping, parque aquático, restaurantes, cafés, clínicas de terapias naturais, passeios ecológicos, festas religiosas, agroturismo e, sobretudo, muita tranqüilidade e paz.

Rodeada de atrativos

Nos arredores do município existem vários outros atrativos imperdíveis, como a Serra do Rio do Rastro, agora totalmente iluminada; o Museu ao Ar Livre, que conta a história dos primeiros colonizadores da região, e as incríveis figuras bíblicas esculpidas na rocha pelo artista autodidata “Zé Diabo”, em Orleans; as criativas molduras fabricadas em Braço-do-Norte; o passeio de locomotiva a vapor, em Tubarão; o agroturismo de São Martinho, cidade de colonização alemã; o túmulo de Albertina Berkenbroch, na comunidade de São Luís, município de Imaruí, assassinada em 1931 com 12 anos de idade ao resistir a uma tentativa de estupro, cujo processo de beatificação encontra-se no Vaticano; a simpática cidade de Armazém, única cidade servida com água mineral em todas as residências; a Usina Termoelétrica de Capivari de Baixo; a indústria de plástico em São Ludgero e a histórica Laguna, Patrimônio Histórico Nacional, terra de Anita Garibaldi, capital da República Juliana e marco do Tratado de Tordesilhas.

Além desses atrativos, os hotéis do complexo termal de Gravatal costumam oferecer uma série de passeios que incluem visitas aos pontos turísticos do município e região. São roteiros com vistas panorâmicas, mirantes, serras, grutas, cachoeiras, igrejas e paradas em antigos engenhos de farinha e alambiques para aquisição de produtos, incluindo a famosa cachaça fabricada artesanalmente.

Para a saúde e a beleza da pele, existem programas especiais como Banho de Argila Hidromineral Terapêutica e o Hidro Tour, tratamento antiestresse de revitalização lançado pelo Hotel Internacional, que se utiliza dos benefícios da hidroterapia para combater o estresse, a insônia, esgotamento físico, artrose, dores musculares e reumáticas e auxilia no combate à celulite e a flacidez da pele, através da drenagem linfática que os jatos proporcionam.

As águas termais de Gravatal são indicadas para:

Balneoterapia: reumatismo, estados congestivos, varicosidades, pós-traumáticos, dermatoses, estados emotivos, hipertensão e hipotensão.

Ingestão: diureses, intoxicações, distúrbios provocados pelo ácido úrico, inflamações crônicas e síndromes alérgicas.

Inaloterapia: rinites, asma e bronquite dos fumantes.

Termas estimulam o esporte e a saúde

Localizados a 158 quilômetros de Florianópolis, entre o mar e a serra, os Hotéis Termas e Internacional se propõem a ser um complexo que une esportes, diversão, lazer e saúde. Sua área de lazer compreende quadras de esportes, sala de jogos, sauna, boate, piscinas adulto e infantil e parque aquático.

Os apartamentos são equipados com banheira ou piscina de água termo-mineral. Suas propriedades terapêuticas são recomendadas àqueles que precisam relaxar, estimular a atividade celular e querem rejuvenescer. As águas têm ação sedativa no sistema nervoso e são cicatrizantes. Os hotéis oferecem ainda alguns serviços, cobrados à parte, como o banho de argila hidrotermal terapêutica, com propriedades que auxiliam a eliminar dores no corpo, limpar a pele e eliminar cravos e espinhas. Quem preferir ativar a circulação e hidratar a pele pode optar pela massagem terapêutica.

Quanto custa?

A diária no Termas de Gravatal custa R$ 203 por casal, em apartamentos standard, incluindo pensão completa (café da manhã, almoço e jantar). Já no Hotel Internacional do complexo, a diária custa R$ 218 por casal nas mesmas condições. De setembro a novembro, o ingresso para o Acquativo Park custa R$ 8 por pessoa. A partir de dezembro, para entrar no parque adultos vão pagar R$ 12.

Passeios

Contato Natural – empresa de Ecoaventuras – oferece passeios em camioneta Ranger 4x 4 adaptada. Telefones: (48) 9906-7269 e (48) 648-2297.

Roteiros históricos – Saída todos os dias, mínimo de dez pessoas e máximo de 24. Telefone: (48) 9966-3452 (com Leonel e Guilherme)

Maria Fumaça – Destino: Tubarão/ Urussanga (uma vez por mês). Telefones: (48) 632-3450 e (48) 9108-4655

Banho de Argila e Hidro Tour – Hotel Internacional. Telefone: (48) 648-2155

Onde ficar:

Grupo Gravatal de Hotéis

Hotel Termas e Hotel Internacional. Telefone: (48) 648-2066 -Fax: (48) 648-2056. www.grupogravatal.com.br – e-mail: reservas@grupogravatal.com.br

Hotel do Lago – Telefone: (48) 648-2022

Hotel Cabanas – Telefone: (48) 648-2082. www.cabanashotel.com.br – e-mail: termas@cabanashotel.com.br

Termas Park Hotel – Telefone: (48) 648-2157. termasparkhotel@ibest.com.br

Castelo Palace Hotel – Telefone: (48) 648-2562. www.castelopalacehotel.kit.net – e-mail: castelopalacehotel@ig.com.br

Como chegar

Seguir pela BR-101 até o Trevo de Tubarão e, de Tubarão a Gravatal, pela SC-438.

Informações Turísticas: Secretaria Municipal de Turismo. Telefone: (48) 648-8008 – das 8h às 12h.