Divulgação
Rampas no Zagaia Eco
Resort, em Bonito (MS).

A participação do deficiente físico na sociedade está cada vez mais concreta e produtiva em todos os segmentos, o que gera desdobramentos positivos no campo do turismo brasileiro. Preocupados com a acessibilidade do turista portador de deficiência, alguns hotéis já se estruturaram e, hoje, oferecem adaptações essenciais que garantem o bem-estar e facilidade de locomoção.

A Pousada Villa Capivary e o Hotel Leão da Montanha, ambos localizados em Campos do Jordão, têm apartamentos diferenciados, com batentes de portas mais largos e camas mais altas.

No Hotel Estância Barra Bonita,  em Barra Bonita, interior de São Paulo, o portador de deficiência física torna-se mais participativo e integrado à programação de lazer, comum a qualquer hóspede, como desfrutar as dez piscinas climatizadas do complexo aquático e, até mesmo, fazer passeio de charrete. As acomodações são mais espaçosas e têm banheiros com barras de apoio, vaso sanitário mais alto e pia com acesso para cadeira.

Já em Bonito (MS), o Zagaia Eco Resort tem chalés adaptados, rampas de acesso e proporciona passeios, como o de bote ao balneário da cidade ou até mesmo o de flutuação pelo Rio Sucuri, que conta sempre com um barco de apoio. Os instrutores garantem que os cadeirantes podem até mergulhar.

Iniciativas como estas ganham força, impulsionam o mercado hoteleiro e estimulam outros setores a se enquadrar  perfil mais humanista.

Serviço:

Hotel Estância Barra Bonita: 0800-702-1400 e www.barrabonita.com.br.

Hotel Zagaia: (67) 3255-5604 e www.zagaia.com.br.

Pousada Villa Capivary: (12) 3663-1736 e www.villacapivary.com.br.

Hotel Leão da Montanha: 0800-15-6222 e www.leaodamontanha.com.br.