Patinha de caranguejo com molhos diversos, maxixada com caranguejo e até um doce feito à base do crustáceo. Esses são apenas alguns dos pratos que serão apresentados durante o Festival do Caranguejo, que será realizado de sexta (12) a domingo (14) em Ilha Grande, no Piauí, e pretende movimentar o turismo na região.

Consultorias gastronômicas foram promovidas antecipadamente no município para que bares e restaurantes estejam preparados para atender os turistas e convidados do evento.

“Temos aqui 20 mulheres que estão aprendendo a fazer todos esses pratos”, informa a instrutora do Sebrae/PI, Inês Melo. Segundo ela, as mulheres também adquiriram noções sobre como montar um cardápio, decoração de pratos, boas práticas de higiene e atendimento ao cliente.

O festival realiza-se numa região que é considerada um dos mais importantes entrepostos pesqueiros do Estado, tendo como principal referência a extração do caranguejo. A atividade no litoral do Estado, segundo o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, Ibama, garante trabalho e renda para 2.500 catadores.

O Festival do Caranguejo objetiva aquecer a economia da região através de ações em turismo, gastronomia, artesanato e extrativismo do caranguejo.

O presidente do Conselho Deliberativo Estadual do Sebrae, Ulysses Gonçalves Nunes de Moraes, informa que o Festival do Caranguejo é mais uma iniciativa que tem não somente o apoio do Sebrae, mas também de outros parceiros, como o Governo do Estado e a Prefeitura de Ilha Grande, que vêem na região um celeiro de boas oportunidades, em especial, na extração do caranguejo e no turismo. “A população está sendo preparada para receber os visitantes, há uma grande motivação para o evento, a cidade está se movimentando para realizar o festival. Então, estamos confiantes em que será um evento de sucesso”.

O evento tem apoio também da Associação para Promoção Humana e Desenvolvimento Social, Instituto Cooperforte, entidade ligada à Cooperativa de Economia e Crédito Mútuo dos Funcionários das Instituições Públicas Federais; Banco do Brasil; e Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares (ITCP).

Catadores de Caranguejo

A atividade de coleta de caranguejos ganha força com a realização do festival, já que o crustáceo será a principal atração do evento. A Cooperativa dos Catadores de Caranguejo Delta Uçá de Ilha Grande conta, atualmente, com 40 associados. A realização do festival está motivando os catadores. Um dos mais empolgados é o líder da comunidade, Antônio Júlio Marques, o Seu Julinho, como é conhecido.

“A realização do festival em Ilha Grande já se tornou um sucesso. Por conta de toda a movimentação prévia, como os cursos de gastronomia, a população está muito motivada. Acredito que o cuidado e o carinho do Sebrae para com a cooperativa de catadores de Ilha Grande, serão demonstrados através da realização do evento e a gente espera que essa parceria se fortaleça cada vez mais”, diz confiante Seu Julinho.

Para o presidente da Cooperativa dos Catadores de Caranguejo Delta Uçá de Ilha Grande, Marcos Santos, o desempenho dos catadores será o melhor possível. “Estamos bastante motivados, nos preparamos para participar. Todos os catadores estão empolgados”, afirma. Em Ilha Grande vivem quase 300 catadores de caranguejo.

Programação

Na Praça Nossa Senhora da Conceição, no centro de Ilha Grande, será instalada toda a estrutura do evento. Duas arenas gastronômicas vão apresentar o resultado das consultorias e também receitas especiais de pratos criados pela própria comunidade.

Na primeira arena, restaurantes, hotéis e pousadas da região vão mostrar os resultados dos cursos de culinária, tendo o caranguejo como principal ingrediente.

O segundo espaço terá 16 estandes, onde os catadores de caranguejo e suas famílias vão comercializar pratos à base da carne do crustáceo. Sete estandes vão ser destinados para o toc-toc, forma de consumir o caranguejo quebrando sua carcaça com martelinhos de madeira. Essa é a forma mais popular de saborear o crustáceo.

Artesanato e Turismo

Onze estandes vão compor a Feira de Artesanato que apresentará peças em rendas, cerâmica, cestaria e trançados e bordados. A feira vai apresentar peças diferenciadas, além de objetos feitos a partir da carcaça do caranguejo.

Outra novidade do evento será a Feira de Turismo, onde sete estandes vão reunir representantes de agências de turismo e de condutores de visitantes, que vão apresentar pacotes e passeios ao Delta do Parnaíba.

“Serão três dias de intensa movimentação em Ilha Grande, com exposição e comercialização de produtos, degustação de pratos, shows e passeios ao Delta, apresentando a cultura, o local e o povo daquela região. A população está engajada nas ações que estamos desenvolvendo. São iniciativas planejadas e executadas sempre com foco na geração de novas oportunidades de negócios e incremento de renda”, afirma o diretor técnico do Sebrae no Piauí, Mário Lacerda.