Localizada nos contrafortes da Serra da Mantiqueira, em uma das regiões mais bonitas do sudeste brasileiro, Juiz de Fora (MG) é ao mesmo tempo cosmopolita e provinciana: cresce, desenvolve-se, moderniza-se e mantém a segurança e o jeito mineiro de viver.

O Morro do Imperador, inicialmente era chamado de Morro da Liberdade e é mais popularmente conhecido como Morro do Cristo. Está a 930 m de altitude, é um dos pontos mais altos da cidade sendo uma das mais belas vistas panorâmicas. O nome Morro do Imperador originou-se em 1861, ocasião em que D. Pedro II subiu as encostas para apreciar o céu e a vista da cidade.
Nas comemorações da passagem do século, em 1906, foi construída uma capela e um monumento em homenagem ao Cristo Redentor, símbolo da vitória contra uma epidemia que assolou o município. No Morro do Imperador existiu também uma torre helicoidal, 1ª do tipo na América do Sul que serviu durante 15 anos à TV Industrial.
Hoje em dia, o Morro do Imperador é utilizado por pessoas que gostam de praticar esportes em contato com a natureza.
O montanhismo e a caminhada pelas trilhas são praticados frequentemente. Está localizado na Rua Dr. João Pinheiro, em direção ao Bairro São Pedro.