As Circle Lens, lentes de contato febre nos países asiáticos, estão chamando a atenção dos médicos.

Com um diâmetro de 14 mm, 2 mm a mais que a média do diâmetro da íris natural, podem comprometer a saúde ocular dos usuários.

As lentes que ficaram famosas nos olhos da cantora Lady Gaga,  surgiram na Coréia do Sul e são fabricadas em diversos modelos sem aprovação dos órgãos de saúde.  

Nos países asiáticos, essas lentes estão bastante popularizadas e podem ser compradas em algumas lojas sem a necessidade de prescrição médica.

Já no ocidente, a compra pode ser feita pela internet, porém as lojas especializadas em lentes não comercializam o produto. Nos Estados Unidos e Austrália a venda é proibida.

O oftalmologista Leo Carvalho esclarece que todos os produtos que podem de alguma forma interferir na saúde devem ser elaborados e testados por meio de experimentos baseados em ciência, assim o usuário estará protegido.

Também, para os produtos serem comercializados, devem ser, obrigatoriamente, liberados pelos órgãos legais que regulamentam as leis de cada país, como a Anvisa, no Brasil.

As Circle Lens desrespeitam ambos os aspectos, pois não foram submetidas a testes científicos para averiguar se são saudáveis aos olhos e não se sabe os riscos que podem trazer. Também não passaram pela aprovação dos órgãos de saúde.