A cada ano 40 mil novos casos de câncer de mama são contabilizados no Brasil. Hoje, Dia Mundial de Combate ao Câncer, é importante o alerta feito pela Associação Amigas da Mama, de Curitiba. A prevenção com hábitos mais saudáveis e a regular realização de exames pode ser fundamental para que a paciente vença a luta contra a doença. Cerca de 90% dos casos de câncer de mama podem ser revertidos se a doença for detectada cedo.

No Paraná, o número de casos novos por ano é 1,7 mil. Maria Josilda Gunha, 57 anos, já entrou três vezes nesta estatística, sendo vítima de câncer de mama. “Luto contra a doença há quinze anos e só estou conseguindo vencer graças a minha família, principalmente a meu esposo”, disse. Em 1987, ela descobriu um nódulo na mama direita, o retirou, fez quimioterapia e se recuperou. Em 1995, num novo exame de rotina descobriu que tinha a doença na outra mama e fez todo o processo novamente. “Em 2002 descobri outra vez o problema na mama direita. Dessa vez tive que retirá-la”, contou, afirmando que o contato com outras pessoas que tiveram ou têm a doença, situação que acontece nas Amigas da Mama, ajuda na recuperação. “O negócio é agarrar nas mãos de Deus e lutar, nunca fugir”, destacou.