yoga250707.jpgA extensa lista de benefícios proporcionados pelo yoga não pára de crescer. Entre as mais recentes atribuições, está a definição e o fortalecimento da região abdominal. Para alcançar esses benefícios é necessário que os alunos adotem a freqüência regular da modalidade. O fortalecimento de toda a musculatura é obtido por meio das contrações isométricas, realizadas durante toda a prática, para a permanência nas posturas.

Esse esforço é feito com a repetição intensa das respirações abdominais, que consistem na contração e na distensão das paredes abdominais. O yoga atua como um conjunto, onde os benefícios estão interligados. Junto com fortalecimento abdominal, vêm as correções e os melhoramentos posturais, obtidos por meio da utilização muscular freqüente que, quando bem aplicada, garante um bom resultado. ?A musculatura bem trabalhada garante 50% de uma boa postura, os outros 50% ficam a cargo do fortalecimento e do alongamento da região lombar e da parte posterior das coxas?, afirma Valéria Paola Palu, professora da Carpe Diem Academia, de Curitiba.

A diversidade dos movimentos que a técnica proporciona aos poucos traz a autoconfiança dos praticantes, o que oferece múltiplas condições para o realinhamento postural consciente. No entender da professora, muitas vezes sobrecarregamos toda a porção de articulações, principalmente as da coluna, em detrimento ao esforço muscular, por simples falta de atitude correta frente a algum movimento.

Vale lembrar que um dos fundamentos do yoga é a respiração. É como se ela fosse a base de todos os ensinamentos da técnica. Quando aplicada de maneira adequada, ajuda o praticante a desenvolver não somente a capacidade respiratória, mas a concentração e a oxigenação mais eficiente dos órgãos superiores. Além disso, a respiração correta pode estimular diretamente o funcionamento de determinadas regiões do corpo.