Segundo o IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, infelizmente cerca de 10 milhões de brasileiros ainda estão na fila de emprego, isso mesmo, desempregados. É um número muito alto para um país com tantas possibilidades de riqueza, mas que sofre com problemas estruturais.

Na época que eu procurava emprego, eu sempre tive boas chances de colocações, inclusive passei em todas as entrevistas que fiz. Também fiz muito do trabalho de recrutador setorial, o que me ajudou a ter grandes experiências neste sentido.

O objetivo aqui não é esgotar o assunto, visto que temos uma coluna riquíssima na Tribuna do Paraná, da Carol do RH, com dicas riquíssimas do tema. Porém, se utilizando das minhas experiências práticas, resolvi preparar 6 poderosos truques que podem te ajudar na sua entrevista de emprego. Dicas essas que eu utilizei muito em meus processos.

É claro que quando estamos em uma entrevista de emprego, estamos nervosos e ansiosos para falar as palavras corretas que o entrevistador quer ouvir, até mesmo em saber as reações a cada resposta. Também ficamos na dúvida sobre as expectativas diante das necessidades da empresa para com aquela vaga. São tantas perguntas que surgem neste curto período de tempo que o nervosismo é inevitável; neste momento a tensão é tão grande que se não tivermos controle sobre nossas emoções acabamos respondendo coisas que normalmente não responderíamos ou discorreríamos. Por isso, o importante da entrevista é: SEJA VOCÊ!

1. SEJA A SOLUÇÃO

Acredito que a dica mais importante é você ser a SOLUÇÃO de uma determinada tarefa ou função. Se a empresa abriu a vaga é porque ela tem uma dor, uma necessidade para resolver um problema. Neste primeiro momento veja se você é a solução desta empresa. Se vai corresponder aos anseios dela. Óbvio que o salário, os benefícios, que você ganhará devem ser questionados, mas o primeiro de tudo é conversar com o entrevistador para ver se realmente vai resolver o problema da empresa e exponha isso.

Exemplo: O entrevistador informa que a empresa precisa de alguém para gerir a equipe de vendas com ferramentas apontando aos resultados. Opa! Aqui você já sabe que precisa ser um gestor de equipes, focando em animar e treinar a equipe para vender mais; então se você estiver as qualificações que a empresa precisa para este serviço, destaque isso apontando soluções para resolver o problema da empresa (inclusive pode citar outros feitos realizados).

2. DEMONSTRE ENERGIA

O entrevistador quer alguém intenso para fazer parte do time. Você gostaria de conversar com alguém que fala baixo, olhando para o chão, que não gesticula, triste, cabisbaixo? Claro que não! Na entrevista é a mesma coisa. Então, demonstre todo entusiasmo em querer fazer parte da equipe, a alegria e a vontade que você tem de fazer parte do time.

3. DEMONSTRE VALOR E NÃO SOMENTE ESFORÇO

Sei que no item anterior eu falei de energia, mas não podemos confundir energia com valor agregado. Você tem que demonstrar o quanto de valor agregará àquela empresa, quais os resultados que atingirá com suas habilidades e aptidões. Quando você entra em uma empresa que precisa gerar lucro, de nada adiantará se você tiver 5 diplomas disso, daquilo ou daquele outro, argumentando que você se esforça acordando super cedo e ainda vai para aula, se você não agregar valor à empresa que precisa auferir lucro. É dolorido este ponto, mas é a verdade, esforço e currículo não é tão importante quanto VALOR. Esforço é importante, mas precisa ser algo comum a todos, o VALOR é algo genuíno.

4. A JORNADA DO HERÓI

Na entrevista desenvolva uma narrativa como a jornada de um herói de histórias em quadrinhos. Tudo começa em uma comunidade tranquila, mas que aparece um grande vilão que quer estragar a paz de todos. Você sai desta comunidade com suas armas para poder combater este mal. Você tem as ferramentas que ninguém tem, você tem habilidades e aptidões únicas que o tornará o grande herói que irá combater qualquer situação. Encaixe tudo isso na sua entrevista e você verá que o entrevistador estará apaixonado por sua história pronto para que você seja o herói que ele tanto precisa. A história criará um rapport (conexão) tão forte que vocês estarão conectados até o final do processo seletivo.

5. TRABALHO EM EQUIPE

Participamos de dinâmicas de grupo querendo ser o líder, trazer as soluções, ser o vencedor, o que é importante, mas esquecemos de questões cruciais. Em certos momentos das dinâmicas de grupo responda: “Puxa, você está certo, eu me equivoquei” / “É verdade, para este ponto sua habilidade se encaixou, mas saiba que quando precisar estarei aqui” / ou até mesmo quando o entrevistador sentir que você está certo e o outro candidato esta errado fale: “Que legal, talvez sua ideia possa somar a este outro fato ou ação…”. Fatalmente o entrevistador vai te dar muitos pontos por isso. Ninguém quer uma pessoa perfeita, que esteja certo sempre, que acha que pode tudo ou que tem todas as respostas, a empresa quer uma pessoa que saiba trabalhar em grupo, aceitando as diferenças e qualidades dos demais.

No início eu sempre vencia as dinâmicas que participava, mas nunca ganhava os pontos, quando aprendi essas técnicas nunca mais deixei de perder pontos deste momento, pois vi que o VALOR agregado a empresa e a equipe são mais importantes do que currículos ou egos.

6. ESTUDE TODAS AS REDES E SITES DA EMPRESA

Aprenda sobre a empresa, mas principalmente sobre a filosofia e cultura da organização. Imagina só você indo de terno e gravata laranja para uma entrevista do Nubank; o banco concorrente, Banco Inter tem como cor fundamental a cor laranja, isso pode acabar com todo seu processo seletivo. Entender a dinâmica do trabalho, os valores, branding, filosofia e cultura da empresa, fará toda diferença.

Leia também: Os primeiros passos para abrir um negócio próprio com pouco dinheiro (05 passos práticos e simples)

Não se esqueça, o mais importante em uma entrevista de emprego é ser você SEMPRE! Não se utilize de uma máscara, pois isso pode jogar contra você.

Meu nome é Marlon Roza, sou seu Amigo de Negócios