Sabe aquela sensação gostosa, sensação de surpresa que você sente quando encontra R$20 ou R$50 no bolso? E se eu te contar que existem outros lugares que você pode ter dinheiro e não sabia?

O objetivo aqui não é fazer promessas, mas te apresentar caminhos que podem te levar ao pote de ouro no final do arco íris.

Assim como fiz no Instagram Amigo de Negócios vou te mostrar alguns lugares que podem conter dinheiro seu e nem mesmo você sabia. Vamos lá!

CPF NA NOTA: Sabe aquela pergunta que todo estabelecimento faz a você “CPF na nota”? Então, se você inserir CPF na nota terá direito a parte do dinheiro em créditos que poderão ser resgatados ou utilizados para descontos em IPVA e IPTU, isso depende de cada localidade e estabelecimento. Além disso, você pedindo CPF na nota contribui com a fiscalização estatal contra empresas que sonegam tributos ou se utilizam da pirataria. Vale a pena ficar atento a isso.

Restituição do Imposto de Renda: Se você fez certinho a declaração de imposto de renda, e tem créditos (dinheiro a restituir) de acordo com o informe de rendimento, você terá direito a restituição do imposto. Atualmente o governo federal tem disponibilizado o primeiro lote já no primeiro semestre do ano, correndo por 5 lotes ao longo ano. Então, fique atento a isso.

FGTS inativo: Todo trabalhador tem obrigação de recolher o FGTS – Fundo de Garantia por Tempo de Serviço, na verdade, a empresa faz por você. Isto é, todo mês a empresa deposita na sua conta de FGTS cerca de 8% do seu salário. Trata-se de um fundo de segurança para resgatar em momentos pontuais, tais como: casos de doenças graves; aquisição de imóvel; iniciativa do governo federal ou quando você é demitido sem justa causa. Se você por alguma razão pediu demissão, por exemplo, os valores que a empresa depositou ficam lá na conta por 3 anos, depois disso você pode solicitar o resgate. Conheço muita gente que não sabia dessa informação resgataram valores do FGTS inativo. Confira se você não tem valores de alguma empresa antiga acessando o site da Caixa Econômica Federal.

Abono salaria do PIS E PASEP: O PIS é para trabalhadores da iniciativa privada e o PASEP para trabalhadores do Estado. Se você recebeu até dois salários mínimos no ano anterior exercendo atividades pelo prazo mínimo de 30 dias, você pode ter direito. Para isso você precisa estar inscrito nesses benefícios há pelo menos 5 anos. Lembrando que o valor é proporcional ao número de meses trabalhados.

Loterias: É engraçado, mas muitas pessoas apostam no impulso ou porque alguém incentivou, por isso não dão bola e esquece de conferir o resultado depois. Pasmem, mas muitas pessoas não resgatam os valores no prazo e perdem o direito que tinha direito. Confira certinho seus jogos lotéricos para ver se não tem nenhum dinheiro parado.

Cartão de crédito: Acredite, mas muitas pessoas participam de programas de pontos do cartão de crédito e deixam expirar os créditos a que tinha direito. Caso tenha pontos, você pode fazer um upgrade na sua companhia aérea e aproveitar de salas vips; pode trocar por produtos e cash back ou até mesmo vender suas milhas para empresas especializadas. Verifique os programas de pontos que seu cartão participa.

Dividendos de ações: Algumas pessoas iniciam no mundo dos investimentos e não sabem que algumas ações pagam dividendos por ela. O dinheiro fica parado na conta da corretora ou no banco, dinheiro esse que poderia ser reinvestido em novas ações ou até mesmo resgatado. Vale a pena conferir.

Dica bônus: Recentemente o Banco Central lançou uma plataforma chamada “Valores a Receber”. É uma plataforma | site que você pode consultar se tem dinheiro esquecido ou inesperado em algum banco, consórcio ou outra instituição financeira. Há milhões de reais parados esperando seus donos. Atualmente a plataforma está suspensa para aprimoramento, mas é importante ficar atento que logo logo estará no ar novamente.

E ai, tinha algum desses dinheiros e não conhecia?

A mente milionária está atento a tudo, pois a ferramenta mais importante da transformação da sua vida está na atitude de correr atrás de metas, sonhos e objetivos.

Leia também: Desafio da riqueza: 6 sacrifícios que você precisa fazer para aumentar as chances de ficar rico

Meu nome é Marlon Roza, sou seu Amigo de Negócios