A maioria das pessoas acredita que exercícios para emagrecer precisam queimar muitas calorias. Que a maneira mais eficiente é caminhando, correndo ou fazendo bicicleta ergométrica.

A partir disso decidem comprar um desses aparelhos, que além de não serem as melhores escolhas de equipamentos para treinar em casa e emagrecer, em pouco tempo se transformam num cabideiro de roupas.

Caso você não tenha uma bicicleta ou uma esteira em casa, não se preocupe. Existe formas mais eficientes de ativar o seu metabolismo e emagrecer treinando em casa.

VEJA TAMBÉM: Treinar em jejum ajuda a perder mais peso?

No meu Instagram, diariamente eu ensino que para emagrecer depois dos 40 anos é necessário acelerar o metabolismo, e que a forma mais eficiente é através do exercício que gera o estímulo e ativa o metabolismo. E esses exercícios não são as tradicionais caminhadas na esteira e nem horas na bicicleta ergométrica.

Partindo disso, hoje eu quero trazer como você pode fazer um exercício para treinar aeróbio em casa, sem precisar de material ou espaço para treinar: o polichinelo.

Parece um exercício básico e simples, porém feito na intensidade e técnica corretas, de acordo com o seu nível de condicionamento físico e utilizando juntamente a metodologia de HIIT (treinamento intervalado de alta intensidade), ele irá gerar um estímulo que deixará o seu metabolismo queimando mais gordura e em até 48 horas depois dos exercícios.

O polichinelo pode ser divido em 3 níveis:

1- Iniciante: sem impacto.

2- Intermediário: tradicional.

3- Avançado: fazendo o tradicional no máximo de velocidade possível ou utilizando o polichinelo sapo.

Veja como fazer o polichinelo de forma correta:

O polichinelo é um exercício muito versátil, pois você pode usar diferentes variações para motivar ainda mais o seu treino.

Se você não tem nenhum material em casa, utilize o polichinelo combinado com exercícios como agachamento, afundo, prancha e flexão de braço para um treino de no máximo 20 minutos capaz de acelerar o seu metabolismo e te fazer emagrecer depois dos 40 anos.

CONFIRA TAMBÉM: Qual é o melhor horário para fazer exercício?

Caso você tenha alguma dúvida, entre em contato comigo, conte a sua história, para que eu possa trazer aqui como tema para você.

Um abração e até a próxima.