Com o passar dos anos todos os músculos do nosso corpo ficam mais fracos e moles. Isso ocorre pelo processo de envelhecimento, diminuição da produção de hormônios e falta de exercícios.

O exercício é o melhor remédio contra esse corpo mole. Ele te faz ficar durinho, perder gordura, mas parece que a barriga nunca diminui, ou é a última a sair depois dos 40 anos.

VEJA TAMBÉM: Caminhada ajuda a emagrecer?

A barriga aumenta depois dos 40 porque os órgãos de dentro da barriga, junto com a gordura intra- -abdominal exercem uma pressão de dentro para fora que empurra a nossa barriga para fora. Como os músculos mais internos do abdômen estão fracos e “frouxos”, eles cedem a essa pressão deixando a barriga inchada e dilatada.

Por isso você perde gordura, emagrece, mas a barriga não some de jeito nenhum. E então o que fazer?

A solução lógica, procurada pela maioria das pessoas, é fazer os tradicionais abdominais. Porém, eles não funcionam para diminuir a barriga depois dos 40 anos. Isso porque os abdominais tradicionais trabalham os músculos mais superficiais do abdômen, principalmente o músculo reto abdominal. E o problema, depois dos 40 anos, são os músculos mais profundos do abdômen.

Então quais exercícios fazer?

São as pranchas abdominais feitas do jeito certo, junto com os exercícios de descompressão abdominal.

Esses exercícios de descompressão abdominal são exercícios respiratórios junto com contração do diafragma e dos músculos mais internos do abdômen.

CONFIRA MAIS: Tipos de abdominais

Quer saber mais sobre esses exercícios, me siga no Instagram e venha participar da MISSÃO ZERO BARRIGA 40+ comigo.

VEJA TAMBÉM: Pode treinar com sintomas de gripe?

Com esses exercícios você será capaz de diminuir a barriga mais rápido que imagina depois dos 40 anos, deixando ela bonita e dura.

Tem alguma dúvida como emagrecer e diminuir a barriga? Entre em contato comigo e me deixe a sua dúvida para que ela possa ser tema aqui na próxima semana.

Um abração e até a próxima.