A novela O Cravo e a Rosa, um dos maiores sucessos do horário das seis da Rede Globo, ainda quando não havia a concorrência da internet, pode ser anunciada com a nova reprise do Viva, o canal que tem como carro-chefe a exibição de novelas clássicas e de diversas épocas da história da TV brasileira.

Exibida originalmente no ano 2000, a novela de Walcyr Carrasco é uma releitura de O Machão, da TV Tupi. O Cravo e a Rosa tinha como protagonismo a história cômica de amor de Julião Petruchio ( Eduardo Moscovis) e Catarina (Adriana Esteves). O sucesso foi tanto que o folhetim foi reprisado duas vezes em Vale a Pena Ver De Novo nas tardes da Globo. E, em ambas as vezes, registrou altos índices de audiência.

Por conta disso, o Viva agora aposta na produção de quase 20 anos atrás. Se baterem o martelo da volta  da novela, como comenta-se nos bastidores, ficará para trás mais uma vez Roda de Fogo, trama de 1986, que está na fila de uma reprise no Viva há mais de quatro anos.

Roda Fogo é uma novela que fala de poder, falta escrúpulos e que não tem nem de perto o bom astral, clima cômico e de época de o O Cravo e a Rosa, que se passa na São Paulo do início do Século 20.

Mate a saudade desse grande clássico assistindo ao PRIMEIRO capítulo da novela: