Se você quer agilizar uma consulta num postinho, ou uma quadra coberta na creche, ou asfalto na sua rua, ou mais ônibus na linha que você pega, chegou a hora de você dizer isso para os vereadores. A Câmara Municipal de Curitiba abriu consulta pública para ouvir o curitibano dizer onde investiria mais dinheiro público, aquele que vem dos nossos impostos.

+ Leia mais: Política, futebol e religião não se discutem?

Basta você entrar no site da Câmara Municipal de Curitiba ou no Facebook e no Instagram e votar. Você pode dar três prioridades, mas precisa informar para qual bairro você tem aquela solicitação. Mas como isso funciona? Vou te explicar.

A cidade tem um orçamento e isso é organizado. Tudo precisar estar escrito direitinho, desde quanto dinheiro a Prefeitura tem no caixa, até onde ela vai investir. Tudo em detalhes.

+ Veja também: A criminalização da política se combate com educação política

Uma das partes que formam o orçamento é a Lei Orçamentária Anual, que agora está na fase de um projeto de lei. A Prefeitura enviou o documento de centenas de páginas para a Câmara, e agora os vereadores podem analisar, sugerir alterações com as chamadas emendas parlamentares e, principalmente, acatar a sua opinião.

A outra parte do orçamento, que também tem consulta pública, é o Plano Plurianual, que estabelece as diretrizes para a cidade de Curitiba para os próximos 4 anos, ou seja, de 2022 até 2025. É o planejamento da cidade de médio prazo, que também foi elaborado pela Prefeitura e agora está em análise na Câmara. E você pode participar desse momento importante da cidade.

+ Veja mais: Qual o caminho para uma ideia virar uma lei?

As prioridades apontadas pela população durante essa consulta popular serão apresentadas em audiência pública na Câmara Municipal. Na pesquisa do ano passado, a população escolheu para este ano obras em 1º lugar, segurança em 2º e saúde em 3º. E para o ano que vem, qual será a sua prioridade? Participe!