Ter um cachorro ou gato em casa, além de ser muito divertido e especial, pelo amor e companheirismo envolvidos, ainda pode fazer bem para a saúde das pessoas, evitando a solidão, estresse e a depressão. No caso das crianças, ter contato direto com os animais de estimação pode fazer com que elas criem resistência imunológica e fiquem protegidas contra doenças como alergias, asma e até mesmo, obesidade.

Proteja seu pet e curta a Copa do Mundo com os animais na torcida! 

De acordo com o médico pediatra e homeopata Moises Chencinski, estudos recentes revelam que os benefícios deste convívio começam cedo. “Um novo estudo da Universidade de Alberta, do Canadá, mostrou que bebês de famílias com animais de estimação – 70% dos quais eram cães – apresentaram níveis mais altos de dois tipos de micróbios associados a menores riscos de doenças alérgicas e obesidade”, explica o pediatra.

Benefícios começam cedo, quando as crianças ainda são bebês. Foto: Arquivo pessoal / Paula Weidlich
Benefícios começam cedo, quando as crianças ainda são bebês. Foto: Arquivo pessoal / Paula Weidlich

As pesquisas canadenses se baseiam em resultados obtidos ao longo de duas décadas, feitos com bebês que cresceram com contato com os cachorros.

“A teoria é que a exposição à sujeira e às bactérias no início da vida – presentes, por exemplo, no pelo de um cão e em suas patas – pode criar imunidade precoce, embora os pesquisadores não tenham certeza se o efeito ocorre em função da presença das bactérias nos amigos peludos ou da transferência humana tocando os animais de estimação”, destaca Chencinski.

Segundo os estudos, a exposição aos animais no útero ou até três meses após o nascimento, aumenta a abundância de duas bactérias, Ruminococcus e Oscillospira, que têm sido associadas com alergias e obesidade reduzidas na infância.

10 dicas para um passeio mais divertido e seguro com seu cachorro

O médico ainda afirma que pesquisa sugere que a presença de animais de estimação em casa reduziu a probabilidade de transmissão da Doença Perinatal pelo Estreptococo do Grupo B, durante o parto, que causa pneumonia em recém-nascidos e é impedida por meio de antibióticos durante o parto.

Não é incrível? Ter estes animais por perto só traz coisas boas para as pessoas! Eu não abro mão dos meus cães, eles são parte da minha família! E você, concorda que os pets são os melhores amigos do homem?

Quer contar uma história com seu pet, sugerir um tema ou publicar a foto de um animal disponível para adoção? Escreva pra gente animal@tribunadoparana.com.br ! E a agenda com os eventos pet friendly e de adoção do fim de semana, você confere toda a sexta-feira, aqui na Mania Animal!

Adoção responsável

Polaca, esta dócil menina de três anos, que tem "cara” de labrador sonha em ter uma família. Castrada e muito companheira, ela gosta de crianças, mas não aceita outras fêmeas. Para adotá-la fale com a Luciane Gouvea (41) 9533-5633. Foto: Divulgação
Polaca, esta dócil menina de três anos, que tem “cara” de labrador sonha em ter uma família. Castrada e muito companheira, ela gosta de crianças, mas não aceita outras fêmeas. Para adotá-la fale com a Luciane Gouvea (41) 9533-5633. Foto: Divulgação

Cachorros e gatos sentem mais fome no inverno: mito ou verdade?