O verão começou há duas semanas e junto com ele chegaram os dias quentes e ensolarados. E para que você possa aproveitar a estação com seu “amigão”, com muitos passeios ao ar livre, alguns cuidados precisam ser tomados.  Isso porque cães, gatos e outros animais são sensíveis ao “calorão” e ao sol forte.

Leia mais: “Censo” revele nomes de cachorro preferidos pelos brasileiros

No caso dos cachorros, segundo o médico veterinário da Magnus René Rodrigues Junior, um dos principais cuidados deve ser com as patinhas do animal, afinal, ao contrário de nós, eles geralmente não usam sapatos ou outro tipo de proteção.

Adoção responsável: Lilica tem apenas um mês de idade e porte médio. Resgatada com seus seis irmãozinhos, ela e os demais filhotes estão disponíveis para adoção. Para levar uma destas fofuras para casa, fale com a Ana Paula Doro (41) 98434-1302. Foto: Divulgação
Adoção responsável: Lilica tem apenas um mês de idade e porte médio. Resgatada com seus seis irmãozinhos, ela e os demais filhotes estão disponíveis para adoção. Para levar uma destas fofuras para casa, fale com a Ana Paula Doro (41) 98434-1302. Foto: Divulgação

“Com temperaturas acima do que o cão está acostumado, o asfalto ou a areia pode proporcionar queimaduras graves. Por isso, evite levá-lo para um passeio entre 9h e 16h, quando o calor é muito intenso. E, se o seu cão ou gato tiver focinho rosado, é preciso usar um filtro soltar específico”, explica o veterinário.

Além das patinhas, também devemos estar atentos à pelagem do animal. Como não possuem glândulas sudoríparas na pele, os cachorros “transpiram” pela boca, língua e pelas almofadinhas das patas. Assim, se possível, faça uma tosa em seu cão, caso ele seja muito peludo ou fique muito tempo ao ar livre.

Leia mais: Viaje com seu pet sem estresse!

E não esqueça também de ficar de olho na hidratação do animal, oferecendo sempre água limpa e fresca. E ao voltar do passeio, ofereça comida igualmente fresca, em um local também fresco e abrigado do sol. A ração dos animais não deve ficar exposta ao sol calor, para não fermentar e ficar imprópria para o pet.

Pulgas e carrapatos

Estando em casa, viajando ou na praia no verão não podemos deixar de lado a prevenção às pulgas e carrapatos. Segundo René, estes parasitas adoram o clima quente e úmido e aproveitam esta época para infestar o animal e o ambiente.

“Aqui, vale o alerta: caso já tenha encontrado algum desses parasitas no seu pet, não compre qualquer produto antes de buscar a orientação de um veterinário”.

Quer contar uma história com seu pet, sugerir um tema ou publicar a foto de um animal disponível para adoção? Escreva pra gente: animal@tribunadoparana.com.br