Nesta semana todos nós passamos algumas horas sem os principais canais de comunicação digital (Instagram, Facebook e WhatsApp), o que rendeu muita piada e muitas informações confusas.

Agora o que a grande maioria não sabe é que muitas empresas perderam muito dinheiro durante às 7 horas que as redes estiveram fora do ar. A sua empresa é refém destes canais?

Não deveria. As redes sociais não são sua propriedade elas são ambientes “alugados”. Por este motivo quero compartilhar com vocês dicas importantes de como não se tornar refém dos maiores canais digitais

Diversificar

Você não deve colocar todos os ovos na mesma cesta.

Enquanto as redes caíram como você fez para fazer contato com os seus clientes? Entregar seu conteúdo, produtos ou serviços?

Linkedin? E-mail marketing? Ligações ativas?

Se o seu cliente está engajado com sua marca e seu produto ele vai interagir com todos os meios de comunicação que você disponibilizar para ele. Planeje e diversifique.

CRM – customer relationship management

Não basta apenas conhecer o seu cliente é importante ter todas as informações possíveis dele: como ele compra, quando, por qual canal e claro tenha todos os dados de contato dele como telefone, endereço, e-mail, cidade, estado, data do seu aniversário, redes sociais entre outras que podem ser pertinentes ao seu negócio.

Exemplo: Se você tem um PetShop precisa saber qual o nome, raça e idade do cãozinho do meu cliente?

Construir um processo de CRM (gestão de relacionamento com o cliente) é uma das estratégias mais importantes que uma empresa deveria implementar. Abordarei este tema no conteúdo da próxima semana com mais detalhes acompanhe.

E-commerce

Se você só vende via redes sociais comece a repensar a sua estratégia. Existe diversas plataformas de e-commerce para todos os bolsos e tamanho de empresas. Seu cliente precisa conhecê-lo e acessá-lo para que ele realize sua compra sem a necessidade de intermédio ou de um vendedor.

Site oficial

Se você é uma empresa de serviços necessita ter um site oficial muito bem divulgado e sempre bem atualizado. Lá deve constar todos os telefones de contato, e-mail e todos os demais canais de atendimento possíveis.

E por que não um chat de atendimento disponível em horário comercial?

E-mail marketing

Não caiu em desuso, muito pelo contrário. Se o seu cliente está engajado com sua marca ele irá abrir e interagir com o conteúdo, promoção, oferta ou informação que você enviar. Não adianta também só enviar um e-mail nestes momentos. Deve possuir uma estratégia de e-mail marketing apropriada ao seu negócio.

Marketing integrado

Para finalizar tenha uma estratégia de marketing integrado em todos os canais possíveis, mantenha o engajamento e o relacionamento com o seu cliente em ambientes diferentes.


Siga estas dicas e verá que na próxima queda dos maiores canais como WhatsApp você não sofrerá nenhum dano ou perda.

Eu sou Gabriel Valter Pianaro de Souza, consultor e mentor de Marketing.