Depois da produção internacional, Virgens Acorrentadas, que estreou no ano passado, o cineasta paranaense Paulo Biscaia Filho volta, junto com mais sete diretores, às telonas com o filme Histórias Estranhas.

Com oito episódios, o longa é uma continuação do projeto de Ricardo Ghiorzi que reune diretores brasileiros do gênero horror para contar suas ‘histórias estranhas’. A primeira obra foi lançada em 2015.

+ CONFIRA TAMBÉM: O que chega na Netflix em junho

Em entrevista para o blog Não é Spoiler, Biscaia conta sobre a sua participação no projeto. “Ghiorzi me chamou para fazer o primeiro filme que se chama 13 Histórias Estranhas, longa que reunia trezes contos. Ele me convidou novamente para o 13 Histórias Estranhas 2. Porém, o produto final contou apenas com oito e então ficou chamado de apenas Histórias Estranhas”, explicou.

Sobre a sua participação na sequência, o cineasta revela que seu episódio foi gravado em uma chácara localizada na zona rural de Campo Largo, Cidade da Região Metropolitana de Curitiba.

Cena do episódio “Na trovão, na chuva, na tempestade”. Foto: Divulgação

Intitulado No Trovão, na chuva ou na tempestade, o seu conto é um plano-sequência gravado com uma câmera de drone. “Ensaiamos o dia todo para filmar todo o filme em apenas uma hora”, finaliza.

A concepção da trama veio após saber em qual ordem da sequência que seu episódio ia aparecer no filme. Ghiorzi, depois de convidar os cineastas a participarem do projeto, faz um sorteio entre os realizadores e distribui o número a eles.

+ VEJA TAMBÉM: Você não vai querer sair de casa após assistir ao trailer de Predadores Assassinos

Biscaia conta que utiliza o número para criar o conto. “No primeiro filme eu fui sorteado com o número dez e então fiz uma história chamada Conte até 10, onde a protagonista tinha uma cegueira momentânea e, para ela relaxar, precisava contar até dez. Nisso surgia fantasmas do teatro para assombrá-la. Já no Histórias Estranhas, recebi o três. Rapidamente pensei nas três bruxas de Macabeth”, explicou.

Além de Paulo Biscaia, Histórias Estranhas conta com a participação dos diretores Claudio Ellovitch, Filipe Ferreira, Kapel Furman, Marcos DeBrito, Rodrigo Brandão e de Ricardo Ghiorzi.

+ LEIA TAMBÉM: Curitiba já foi palco de filme hollywoodiano

O longa estreia hoje, no Cinemark do Shopping Mueller, às 19h. Filme faz parte do Projeto às 7, uma iniciativa do próprio cinema com a distribuidora Elo Company com intuito de expandir obras brasileiras no circuito comercial. Os ingressos custam R$ 12 e R$ 6 (meia).

Avaliação: ⭐⭐⭐
Pra quem gosta:
drama, biografia
Pra assistir:
sozinho, com crush, com amigos
Filmes/Séries semelhantes:
American Horror Story, Mal Nosso e Morto Não Fala