Depois de Aquaman, a DC novamente conta história de mais um dos seus heróis pouco conhecido, “Shazam!”. O homem com superpoderes foi um verdadeiro imbróglio para a revista de quadrinhos. Pra quem não sabe, ele foi o primeiro ‘Capitão Marvel’. Sim! Isso mesmo. A marca detentora dos Vingadores foi quem criou um herói com esse nome. Mas, após uma briga judicial, a DC teve que mudar o nome do personagem para o conhecemos agora por Shazam.

+ Warner Bros divulga primeiro trailer de ‘Coringa’

E o público finalmente vai conhecer nos cinemas como um adolescente se transforma em um homem com poderes incríveis a fim de derrotar o supervilão dominado por forças malignas controladas pelo Dr. Thaddeus Silvana. Veja o trailer:

De humor leve e com sequências de lutas nada mirabolantes, “Shazam” tenta ser um Deadpool para família toda, e consegue. Não traz nada espetacular, mas sua construção dramática é digna de reflexão. A busca do conhecimento e significado sobre família são temas essenciais na produção.

Conhecido no gênero terror com os filmes “Quando as Luzes se Apagam” (2016) e “Annabelle 2: A Criação do Mal” (2017), David F. Sandberg marca sua estreia em um filme sobre super-herói e de forma plausível. Assim como Darren Lemke consegue entregar um bom roteiro unindo o que os amantes desse gênero que são papais e mamães gostam: ação e comédia pra família toda.

Shazam. Foto: Divulgação/Warner Bros

Shazam!” potencializa não só os personagens poderosos da DC, mas reflete no super-herói que existe no próprio ser humano. A capacidade de mudar o mundo e enfrentar os problemas pessoais. É sobre a busca do conhecimento, da verdade e suas causas e efeitos. Assim como X-Men, é um filme sobre descobrimento da própria identidade e amadurecimento.

Diferente de Aquaman, “Shazam!” não surpreende, mas é divertido. O filme estreia nesta quinta-feira, 4, nos cinemas de Curitiba.

Avaliação: ⭐⭐⭐1/2
Pra quem gosta: aventura
Pra assistir: sozinho, família e amigos
Filmes/Séries semelhantes: Aquaman, Homem de Aço e Mulher Maravilha