Sem dúvida, um dos gêneros que mais atrai o público em geral é o de ação. Cenas de luta, história de vingança e muitos efeitos especiais de destruição dão aquele toque de emoção para fisgar o espectador.

A Netflix aposta em mais um filme do gênero e lançou na última sexta-feira (4) “Xtremo”, longa-metragem espanhol sobre um matador de aluguel aposentado que decide fazer justiça com as próprias mãos ao saber que foi enganado pelo próprio irmão.

VEJA MAIS: La Casa de Papel – Parte 4 ganha teaser, assista!

O filme é dirigido por Daniel Benmayor, o mesmo diretor de “Tracers: nos limites”. O longa tem em seu elenco Óscar Jaenada, famoso por atuar em produções hollywoodianas como “Piratas do Caribe: Navegando em Águas Misteriosas” e “Rambo: Até o Fim”.

Benmayor aposta mais uma vez em sua experiência em filmes de ação. Ele procura trazer agilidade e criar momentos de tensão com muitas cenas de lutas, mas acaba se perdendo ao longo da trama pelo excesso de cenas violentas.

critica do filme xtremo
Cena do filme “Xtremo”. Foto: Quim Vives/Netflix

Aliás, as cenas de lutas são artificiais, coreografadas demais, dando a sensação de amadorismo. Sabe quando vemos show de calouros onde o artista sabe a dança, mas não tem experiência? É o que podemos usar de exemplo em “Xtremo”. Sem contar na atuação exagerada, penosa e superficial.

“Xtremo” se espelha nos clássicos filmes dos anos 80 e 90 estrelados por Bruce Willis ou Sylverster Stallone e esta trupe, no entanto não consegue entregar o principal: enredo convincente.

CONFIRA TAMBÉM: Crítica de Army of the Dead: Invasão em Las Vegas

Assim como observamos em filmes de terror ou até mesmo eróticos, onde o enredo é um mero figurante servindo para o primeiro plano de fundo para as cenas de sustos ou sensuais, para o outro; o filme de Benmayor pratica a mesma tática para pôr a violência como protagonismo, no entanto, enfraquecendo-o. “Xtremo” tinha tudo para se tornar uma boa franquia não-americana da Netflix.

Avaliação: ⭐⭐1/2
Pra quem curte: Ação/Policial
Pra assistir com: Amigos
Filmes e séries semelhantes: John Wick, The Last Days of American Crime e POWER.