Me perguntam se consórcio imobiliário é bom investimento.

Olha, em tese, todo consórcio é bom. Consórcio de carro, imobiliário, previdência privada, todos são bons se a instituição administradora for sólida e confiável. Para quem estranhou a previdência privada no rol de consórcios, não se espante.

Previdência privada em fundo de pensão se assemelha a um consórcio, é uma poupança forçada e não tem finalidade lucrativa. Os investidores ou poupadores custeiam a gestão, mas a rentabilidade sobre o patrimônio previdenciário vai integralmente para a conta de cada consorciado.

Agora, não confundam com a previdência privada dos bancos, os tais PGBLs e VGBLs. Esses, por terem finalidade lucrativa, abocanham uma parte da rentabilidade do investimento dos poupadores.

Os bancos, ao cobrar uma taxa qualquer sobre o dinheiro investido fazem um grande negócio. Mesmo que seja baixa, de míseros 2%, por ser aplicada sobre uma reserva financeira que só cresce com as contribuições mensais e a rentabilidade do seu investimento, faz com que o banco fique com metade de tua poupança em 30 anos.

Quanto maior essa taxa- que em previdência privada chama-se de taxa de administração financeira- pior para o poupador.

Por isso, quem pode, opte por fundo de pensão. No Fundo de Previdência Mais Futuro, por exemplo, com R$ 70,00 por mês já dá para investir.