Fala gurizada! O Estagiário do Darta voltou e é claro, pra falar do galo que botou o terror na vizinhança lá em Ivaiporã. Pra quem ainda não sabe, o galo foi levado pra delegacia na última segunda-feira (7) por cantar na madrugada e acordar os vizinhos. Mas pelo jeito a liberdade cantou pra ele, hein? A questão é que ele acabou parando em um leilão. Acreditam nisso? Mas calma, o galo cantor está bem. E vocês acreditam que ele já tem até um novo dono?

+ Leia mais: Galo é detido pela Polícia Militar do Paraná por perturbação de sossego

Agora pensa num bicho sortudo. Foi parar no xilindró por perturbação do sossego e ainda vai ganhar um ‘resort’ só pra ele. Três galinhas que estavam com ele no galinheiro também estão de mudança. O antigo dono do animal, seu Elcio Antunes da Silva, 51 anos, contou em entrevista ao Bom dia Paraná, da RPC, desta quinta-feira (10) que irá levá-las para uma propriedade rural.

Silva é trabalhador rural e comprou o galo há dois meses e ficou constrangido ao ver a polícia na casa dele e que ainda teve que colocar o galo dentro do camburão.

Já o novo dono, Elias Belarmino, contou para a reportagem que, para ajudar o Elcio, comprou o animal por R$ 200. “A gente teve a ideia de leiloar o galo e reverter o valor pra ele para que possamos ajudá-lo. O galo vai poder cantar a vontade na chácara. Vai ficar lá que é um ambiente saudável”, disse Belarmino.

+ Leia também: “O Caso Evandro” terá episódio especial sobre Leandro Bossi; saiba quem é o garoto

Um leilão será realizado pela Secretaria de Meio Ambiente de Ivaiporã e o valor arrecadado será revertido para ajudar o seu Elcio. Quem arrematar, terá que cumprir algumas condições como: não levar o animal pra panela e, claro, tem que gostar de galo.

É isso aí minha gente. No final das contas tudo resolvido. Ainda há justiça nesse país. Até a próxima piazada! #TodospeloGalo