Tuitada

Se eu soubesse que 2019 seria meu último na “boemia”, teria me envolvido em muito mais confusões do que me envolvi. Saudade do boteco.

Piadas

Cidade dos apelidos

Ninguém vai passava pela cidadezinha do interior sem ganhar um apelido. Um viajante apostou, no entanto, que ficaria uma semana na cidade sem levar apelido algum. Chegou de madrugada a um hotel em frente à praça principal e instalou-se no último andar. Pediu que deixassem suas refeições na porta do quarto pra não ter contato com ninguém. Curioso, de hora em hora espiava a praça, levantando uma veneziana e fechando-a em seguida, para ver o movimento.

Passada uma semana, desceu à praça e sentou-se numa cadeira de engraxate, satisfeito por ter levado a grana da aposta, quando de repente o engraxate perguntou:

– Vai graxa ou tinta, “seu cuco”?

Toma, espertão

Um turista parou para abastecer à beira da estrada e foi abordado pelo funcionário do posto:

– O senhor é a última pessoa que vai pagar o preço antigo. De agora em diante, aqueles que chegarem vão pagar o preço novo.

Animado, o turista mandou encher o tanque e, depois de pagar, perguntou:

– E para quanto subiu o combustível?
– Não subiu não, desceu 10%.

Abraço do Darta

Hoje tem festa na casa do “bicicleteiro” Valério Silva, do coxa-branca Leandro Requena e da comadre Patrícia Argenton, a mãe da Clarissa e da Anabella. Parabéns, turma.