Tradição sagrada - Caçadores de Notícias

Publicidade

Alto da Glória

Tradição sagrada

Escrito por Tribuna do Paraná

Por Ana Tereza Motta

Quem encontrar a medalha da santa no bolo pode conseguir uma graça, como explica o padre Celso. Foto: Gerson Klaina
Quem encontrar a medalha da santa no bolo pode conseguir uma graça, como explica o padre Celso. Foto: Gerson Klaina

São 57 anos de tradição. A novena do Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, no Alto da Glória, atrai cerca de 35 mil pessoas todas as quartas-feiras. “Começou com apenas oito pessoas em 1960, na Capela da Glória, na Avenida João Gualberto”, conta o padre Celso Viera da Cruz.

O número de fiéis foi crescendo e, nove anos depois, foi construído o atual Santuário. Os devotos são assíduos. José Levanir Leal, 50, sempre participa da celebração. “Gosto muito de vir, muita coisa boa acontece. Sempre recebo graças”, afirma o porteiro.

Em 20 anos frequentando a novena, Elisete já recebeu muitas graças. Foto: Gerson Klaina
Em 20 anos frequentando a novena, Elisete já recebeu muitas graças. Foto: Gerson Klaina

A escrevente Elisete Camargo, 62, frequenta a novena há mais de 20 anos e conta que já recebeu muitas graças por meio de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. “Representa paz, esperança, harmonia, tudo que a gente precisa”, diz.

Para comemorar o aniversário da novena, foi confeccionado um bolo gigante de 700 quilos. São 6 mil pedaços, que estão sendo vendidos nesta quarta-feira (21), e quem encontrar a medalha da santa pode receber uma graça.

Bolo confeccionado para a comemoração tem 700 quilos. Foto: Gerson Klaina
Bolo confeccionado para a comemoração tem 700 quilos. Foto: Gerson Klaina

A programação especial de comemoração vai até a próxima terça-feria (27), quando é comemorado o dia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. “No sábado (24) pela manhã, teremos a procissão dos devotos mirins, e todas as noites temos o momento musical. No domingo (25) pela manhã, teremos a caminhada e o passeio ciclístico, e a partir das 17h uma novena solene e procissão luminosa”, explica o Padre Celso Viera da Cruz. Quem quiser saber os detalhes da programação pode acessar o site do santuário.

Novena é realizada todas as quartas-feiras no santuário, localizado no Alto da Glória. Foto: Gerson Klaina
Novena é realizada todas as quartas-feiras no santuário, localizado no Alto da Glória. Foto: Gerson Klaina

Sobre o autor

Tribuna do Paraná

(41) 9683-9504