Goteiras x Passageiros - Caçadores de Notícias

Publicidade

Cajuru

Goteiras x Passageiros

Giselle Ulbrich
Escrito por Giselle Ulbrich

Entrar no terminal Vila Oficinas, Cajuru, não é garantia que o passageiro ficará seco, em dias de chuva. Com vários problemas de vazamentos na cobertura, as goteiras disputam lugar com os usuários nas filas dos ônibus. Um dos cobradores mostra que, em chuva mais intensa, uma “cachoeira” invade uma parede de vidro que deveria servir para proteger a entrada. O agente fiscalizador Leonildo Nandes da Cruz, 60 anos, mostra que, para passar pela catraca, tem que desviar das goteiras, uma perto do equipamento que lê o cartão de passagens e outra exatamente em cima da catraca.

Terminal do Vila Oficinas alaga e complica a vida de quem depende de ônibus em dias de chuva. Foto: Giuliano Gomes.
Terminal do Vila Oficinas alaga e complica a vida de quem depende de ônibus em dias de chuva. Foto: Giuliano Gomes.

Embarcar seco nos biarticulados também é desafio. A cobertura do terminal, além de baixa, não chega a cobrir os ônibus. Nos temporais, o passageiro tem que sair correndo da plataforma para embarcar, para não se molhar demais. Em outras linhas, que não precisam de plataforma, o problema é semelhante. As calçadas ficam cheias de água.

Reforma

Urbs disse que problema será resolvido, a partir do ano que vem. Foto: Giuliano Gomes.
Urbs disse que problema será resolvido, a partir do ano que vem. Foto: Giuliano Gomes.

A Urbs informou que o terminal deverá passar por reforma e ampliação a partir do ano que vem. O terminal está incluso nas obras do projeto Leste-Oeste, que pretendem reformar também outros três terminais (Campo Comprido, Campina do Siqueira e Capão da Imbuia), construir o terminal CIC-Norte, ampliar a extensão de algumas linhas, criar novas estações-tubo, criar um ligeirão (que passará pelo Vila Oficinas), além de outras ações de mobilidade.

Leia mais sobre Cajuru.

Sobre o autor

Giselle Ulbrich

Giselle Ulbrich

(41) 9683-9504