Candidato pelo PDT, Goura prometeu uma política sustentável para Curitiba e afirmou que a cidade desperdiça dinheiro público ao não dar a devida importância para o descarte adequado do lixo. Segundo ele, cerca de metade das 2,5 mil toneladas de resíduos sólidos produzidos por dia na capital são de material orgânico, que poderia ser transformado em insumos. O candidato participou do quadro Candidato em 20 Minutos, promovido pela Tribuna com os candidatos à prefeitura de Curitiba. 

>>>Tudo sobre os candidatos no Guia dos Candidatos da Tribuna

“Estamos defendendo uma gestão transparente na gestão do lixo. Para que a população saiba como os recursos públicos estão sendo gastos nestes contratos, junto com uma política de compostagem, uma política de recicláveis e uma política de educação ambiental com o conjunto da população”, disse.

Goura também disse que a área da saúde é prioritária na gestão pública, dentro da perspectiva do Sistema Público de Saúde (SUS). De acordo com ele, a saúde gratuita é uma conquista do povo brasileiro. “É necessário a gente falar do dimensionamento das equipes, da atenção primária que tem que ser fortalecida. Nós vamos reforçar as equipes de estratégia da saúde da família em nossa cidade, que foram prejudicadas durante essa gestão, vamos reforçar também o papel dos agentes comunitários de saúde, as equipes de saúde mental. Estamos propondo que Curitiba tenha a atenção da saúde mental presente logo na atenção primária”.

+Leia mais! Goura promete equipe com mulheres, negros, LGBT+ e indígenas na prefeitura

Sobre a retomada econômica de Curitiba no pós-pandemia de coronavírus (covid-19), o candidato propõe um plano emergencial que descentralize a economia nos 75 bairros da cidade. “Fortalecendo os micro e pequenos empreendedores e empresários, fortalecendo igualmente as ideias que já são tendências consolidadas na cidade da economia criativa. E aqui, a gente está falando da gastronomia, do turismo, da moda, da publicidade, do audiovisual, da tecnologia, da pesquisa. Curitiba já é um centro de excelência na economia criativa, um centro que é referência para muitas outras cidades, só que a gente precisa ter uma gestão que fortaleça isso muito mais”.

Candidato em 20 minutos

Todos os candidatos à prefeitura de Curitiba foram convidados para participar da conversa. As entrevistas são de 20 minutos, gravadas e serão publicadas na íntegra, sem cortes. O candidato Zé Boni (PTC) foi convidado pela reportagem da Tribuna, mas não participou por questões de agenda.

Confira também

*Fim da Urbs e utilização de servidores em obras. Professora Samara (PSTU) em 20 minutos

*Tarifa zero no transporte e gestão para as pessoas. Letícia Lanz em 20 minutos

*’República de Curitiba’ e o trato com o governo federal. Paulo Opuszka em 20 minutos

*Terceirização contra filas e passagem mais barata. Carol Arns em 20 minutos

*IPTU Verde e urbanismo com ciência. Eloy Casagrande em 20 minutos

*Hidroxicloroquina contra covid-19 e alinhamento com Bolsonaro. Marisa Lobo em 20 minutos

*IPTU congelado e revisão no desarmamento da GM. Camila Lanes em 20 minutos

“Precisamos de educação para o trânsito, fiscalização e punição”. Christiane Yared em 20 minutos

*Comércio nos bairros de Curitiba e Linha Verde em minutos. João Arruda em 20 minutos

*Doação de salário e gestão na saúde. João Guilherme em 20 minutos