O atacante Kléber está recuperado de uma contratura muscular na coxa esquerda, mas ainda não tem presença garantida na partida entre Tupi e Cruzeiro, domingo, em Juiz de Fora. O técnico Adílson Batista revelou que uma conversa com o jogador será decisiva para a definição da escalação do setor ofensivo do time de Belo Horizonte.

“Preciso conversar com o atleta para ver se está incomodando. Não pode é você levar o atleta, ele não estar confiante, entrar no jogo e se lesionar. Aí o perdemos para as demais partidas nessa sequência de nove jogos. Com cuidado e inteligência daqui a pouco eu vou conversar com ele”, afirmou.

Adílson adiantou que pode poupar alguns titulares contra o Tupi, já que o Cruzeiro vai enfrentar o Deportivo Itália, em 11 de março, na Venezuela, pela Libertadores. “Se analisarmos, nós só temos 19 jogadores para levar para a Venezuela. Tenho os lesionados, vou cortar um goleiro e tenho o Gilberto suspenso. Dezenove, mais o Wellington e o Kleber com dor. São 17. Essas coisas a gente precisa pensar”, explicou.