No primeiro de seus dois amistosos em um breve tour pelos Estados Unidos, a seleção alemã não teve dificuldade para derrotar o Equador por 4 a 2, nesta quarta-feira, no FAU Stadium, em Boca Raton. A seleção europeia, que se prepara para a sequência das Eliminatórias para a Copa do Mundo do ano que vem, marcou seu primeiro gol logo aos seis segundos, com Podolski, e chegou a fazer 4 a 0 antes de permitir a reação do adversário.

A Alemanha entrou em campo nesta quarta bastante modificada, sem os jogadores de Borussia Dortmund e Bayern de Munique, que disputaram a final da Liga dos Campeões no último sábado, e Real Madrid, que disputa a última rodada do Campeonato Espanhol neste final de semana. Com isso, nomes como Adler, Mertesacker e Podolski tiveram chance na equipe titular.

Mesmo com o time completamente alterado, os alemães foram para cima e chegaram ao primeiro gol logo aos seis segundos. O Equador deu a saída, Podolski apertou, roubou a bola e bateu na saída do goleiro. Aos quatro minutos, Bender recebeu enfiada de bola e chutou de primeira para marcar o segundo.

A dupla Podolski e Bender estava impossível e seria responsável pelos outros dois gols alemães. Aos 17 minutos, a seleção fez uma bela triangulação pela esquerda e a bola foi tocada para Podolski, que bateu firme. Aos 24, Bender recebeu e chutou de fora da área para fazer o quarto.

A desvantagem fez a Alemanha diminuir o ritmo e o Equador foi para cima. Aos 44 minutos, Valencia aproveitou sobra de bola após cruzamento da direita e bateu de primeira para diminuir. Já no segundo tempo, aos 41 minutos, Ayovi cobrou falta da direita com perfeição e selou o resultado.

A Alemanha volta a campo neste domingo para o segundo amistoso nos Estados Unidos, contra a seleção da casa, em Washington. Já o Equador tem confronto marcado pelas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo. No próximo dia 7, pega o Peru, em Lima.