A seleção brasileira fez sua partida de estreia no Grand Prix 2011, contra o Japão, já pensa no próximo rival: a Alemanha. Depois de duelar com as nipônicas na madrugada desta sexta, o Brasil enfrentará as européias às 4h30 (de Brasília) deste sábado.

Favorita do Grupo C, a equipe do técnico José Roberto Guimarães coleciona oito títulos do Grand Prix, enquanto a Alemanha corre atrás de seu primeiro ouro na competição. Apesar da diferença de currículo entre os dois times, o treinador prega cautela contra as alemãs.

“É um time com características européias. Joga com bolas altas, com um bom sistema defensivo e um bom bloqueio. É outro time complicado”, avaliou Zé Roberto, que não vê equipe fácil no grupo do Brasil, que conta também com a Coreia do Sul. “O nosso grupo é difícil, mas ao mesmo tempo isso é positivo para nossa equipe, que vai ser testada por jogar com escolas de estilos diferentes”, acrescentou o treinador brasileiro.

A líbero Fabi pensa da mesma forma que o técnico Zé Roberto e não vê jogo fácil para o Brasil nesta fase do Grand Prix. “Alemanha é um time sempre muito chato. Nós pegamos uma primeira fase difícil. Talvez sejam equipes que não estão entre as favoritas ao título, porém fazem jogos duros contra qualquer adversário”, explicou.