Sem surpresas. Foi assim o coletivo apronto do Paraná Clube, ontem à tarde, na Vila Capanema. Mesmo fazendo algumas observações ao longo da atividade, sem mistérios o técnico Zetti definiu a equipe que encara o Ceará, amanhã às 21h, no Durival Britto , pela 6ª rodada da Série B. Diante de um dos últimos colocados, o Tricolor tenta mostrar força e embalar de vez na competição com mais uma vitória.

“O momento é bom e não podemos deixar a peteca cair”, disse o ala Alex, principal novidade na equipe. Revelado nas categorias de base do clube, ele nunca conseguiu uma sequência de jogos e sabe que para mudar essa rotina terá que ralar. “O Marcelo Toscano está bem e o Murilo está voltando. Qualquer chance é bem vinda e espero fazer um grande jogo”, comentou o jogador, que neste Brasileiro atuou apenas na primeira rodada, entrando na vaga de Toscano na reta final do jogo frente ao Bahia.

Zetti busca formar um time base e por isso evita alterações profundas. Num tradicional 4-4-2, dá força à equipe que mais vezes atuou nesta Série B. Espera que dentro de pouco tempo o torcedor já tenha o time “na ponta da língua”. Isso, independente de sua política de não ter onze titulares, apenas.