O atacante Alisson, do Cruzeiro, recuperado de um edema muscular na coxa esquerda e que esteve fora da equipe nas últimas três partidas, se colocou à disposição do técnico Mano Menezes para enfrentar o São Paulo, nesta quinta-feira, às 21h30, no Morumbi, pela quarta fase da Copa do Brasil.

“Estou feliz demais por retornar, pelos primeiros trabalhos com bola. Se o Mano precisar, estou à disposição. Nem que seja meio tempo, dez, 15 minutos. O que ele precisar de mim, estarei pronto”, garantiu Alisson, nesta terça-feira.

O atacante entende que o Cruzeiro deve atuar com inteligência, pois os confrontos nesta competição são atípicos e, na visão dele, a classificação será definida somente no segundo jogo.

“A gente tem que manter a concentração. São dois jogos, 180 minutos, não adianta desesperar no Morumbi porque tem a volta. Precisamos ter equilíbrio, é importante fazer um gol lá e trazer para o Mineirão. O Cruzeiro é muito grande e as duas equipes vão buscar a vitória. Vamos para São Paulo na busca de realizar um grande jogo”, disse Alisson.

HISTÓRICO – Na Copa do Brasil, Cruzeiro e São Paulo se encontraram em duas edições – 1993 e 2000 – e em ambas o time de Belo Horizonte venceu o confrontou e terminou campeão. Em 1993, pelas quartas de final, o Cruzeiro ganhou no Morumbi e houve empate no Mineirão. Em 2000, as duas equipes fizeram a final da competição. Em São Paulo, a partida terminou empatada em 0 a 0. No jogo final, no Mineirão, o Cruzeiro venceu por 2 a 1.