O América-AM conseguiu a sua vaga na final do Campeonato Brasileiro da Série D, a quarta divisão nacional.

Jogando nesta quarta-feira, no estádio Giulitte Coutinho, em Mesquita, no subúrbio do Rio de Janeiro, o time manauara venceu o Madureira-RJ, por 2 a 0, e reverteu a vantagem dos cariocas. No jogo de ida, o Madureira havia vencido por 2 a 1 e poderia até perder por 1 a 0, mas não conseguiu seu objetivo.

Se dentro de campo o campeão amazonense garantiu-se na decisão, fora dele ainda terá problemas. Agora, o América precisa esperar até esta sexta para definir de forma oficial sua classificação. Isso porque o Joinville-SC entrou no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) contra o time de Manaus, o acusando de escalar um jogador irregular. Isso na fase anterior diante do próprio time catarinense.

O jogador Amaral teria atuado sem seu registro de renovação de contrato, numa eventual falha da Federação Amazonense de Futebol. Caso perca o julgamento, o América será eliminado da competição. Daí o departamento de competições vai decidir o que fazer. O Joinville, interessado direto, manteve seu elenco em treinamento na esperança de voltar na competição.

Por enquanto na final, o América aguarda o vencedor do outro confronto entre Araguaína-TO e Guarany-CE. Eles vão fazer o segundo jogo no próximo sábado, em Sobral, no Ceará. Na partida de ida, na cidade de Araguaína, no Tocantins, houve empate por 2 a 2. Um empate sem gols ou por 1 a 1 classifica o Guarany por ter mais gols fora de casa. Se o empate for por mais de dois gols, então a vaga será do Araguaína. Os quatro semifinalistas já garantiram o acesso para a Série C, em 2011.