Na penúltima colocação, o América-RN entra em campo repleto de novidades. A começar pelo comando técnico. Ex-jogador do clube, Leandro Sena substitui Pintado na difícil missão de evitar o rebaixamento. Mesmo comandando apenas um treinamento, ele fez uma série de modificações no time. Norberto volta à lateral-direita e Wanderson foi escalado na esquerda. O meio-campo conta com a volta de Fabinho, além da estreia de Régis, jogador de apenas 20 anos, revelado pelo São Paulo. Mas a surpresa maior fica para a presença de Max. Após cumprir um ano de suspensão por uso de cocaína, o centroavante faz hoje a sua primeira partida na temporada, formando com Rodrigo Pimpão o ataque do Mecão, que precisa de pelo menos seis vitórias para atingir 45 pontos, o “número mágico” contra a degola.