Principal nome da seleção da Costa do Marfim, que será adversária do Brasil na Copa do Mundo, o atacante Didier Drogba tem jogado com um problema físico nos últimos meses. A revelação foi feita nesta sexta-feira pelo técnico do Chelsea, o italiano Carlo Ancelotti. Mas, segundo ele, a hérnia abdominal não atrapalha a performance do jogador.

“Drogba tem vivido com esse problema por três ou quatro meses, mas não é um grande problema”, contou Ancelotti. “De vez em quando, ele sente alguma coisa depois de um jogo, mas durante a semana não apresenta nenhuma dificuldade para treinar.”

Ancelotti também disse que Drogba pode passar por uma cirurgia no final da temporada, mas que isso não irá atrapalhar sua presença na Copa do Mundo da África do Sul, que começa em 11 de junho.

“Ele não precisa ser operado agora. Se precisar no final da temporada, ele estará liberado em sete dias, porque é uma cirurgia bem pequena”, explicou Ancelotti, confirmando a presença de Drogba no clássico que o Chelsea faz neste sábado, contra o Manchester United, pelo Campeonato Inglês.