O austríaco Andreas Zuber, da equipe iSport, venceu neste sábado (7) a primeira das duas corridas da etapa da Grã-Bretanha da categoria GP2 de automobilismo, em Silverstone. O piloto chegou à frente do inglês Mike Conway (Super Nova) e do japonês Kazuki Nakajima (DAMS). Lucas di Grassi (ART) foi o melhor brasileiro, terminando na quarta posição, enquanto Bruno Senna chegou em 11º e Xandinho Negrão abandonou na nona volta.

O alemão Timo Glock, companheiro de Zuber, segue na liderança do campeonato, apesar de ter abandonado. Após algum tempo parado na garagem de sua equipe, ele voltou à pista e conseguiu a volta mais rápida, mas não somou o ponto pelo feito por não estar entre os Classificados.

Zuber largou na pole e só deixou a liderança no momento da obrigatória parada para troca de dois pneus. Depois, conservou sempre uma vantagem confortável sobre Conway, que aproveitou o ótimo conhecimento da pista – foi campeão da Fórmula 3 inglesa em 2006 – para assegurar o melhor resultado até agora.

O alemão Timo Glock, depois de correr boa parte da corrida em terceiro, terminou fora da zona de pontos por causa de um segundo e não previsto pit stop. Mesmo assim, o líder do campeonato retornou à pista e ainda garantiu o ponto extra da melhor volta.

Abatido pela quebra do motor no treino classificatório, Xandinho Negrão (Medley) largou em 23.º e chegou a ocupar a 16.ª colocação, quando encostou o carro nos boxes e desistiu. ?A embreagem começou a patinar nas saídas de curvas desde a primeira volta. Por algum tempo, ainda pude acompanhar o ritmo do pessoal que estava à minha frente, mas logo começou a piorar e não deu para prosseguir?, explicou.

Atrás de Glock estão o italiano Luca Filippi (Super Nova), a quatro pontos após terminar deste sábado em quinto, e Di Grassi, com cinco em relação ao líder. A segunda prova acontece amanhã, às 9 horas (5 horas de Brasília).