O Real Madrid ostentou até domingo passado uma série de 40 jogos invicto, a maior da história para um clube espanhol. Mas isso já é passado. Agora, o que aparecem nas estatísticas é que o time vem de duas derrotas seguidas, a segunda delas nesta quarta-feira, para o modesto Celta, por 2 a 1, em pleno Santiago Bernabéu. A partida foi válida como de ida das quartas de final da Copa do Rei.

A série invicta já havia chegado muito perto de se encerrar na quarta-feira passada, quando Benzema marcou no último minuto dos acréscimos para garantir um empate em 3 a 3 com o Sevilla, também pela Copa do Rei. Depois, chegou ao fim no domingo, também contra o Sevilla, desta vez pelo Espanhol. A derrota por 2 a 1 foi justo no primeiro jogo de Cristiano Ronaldo depois de ser eleito o melhor do mundo em 2016 pela Fifa.

Agora, o português coleciona dois jogos e duas derrotas desde que venceu o prêmio. Diante do Celta, ele voltou a atuar em uma partida da Copa do Rei depois de exatamente um ano. Foi figura nula numa rara derrota em casa pelo torneio – a última havia sido para o Barcelona, em 2012. Contra um clube de menor parte, não era batido no Santiago Bernabéu desde 2008.

Levando a sério o duelo desta quarta, Zidane escalou praticamente força máxima, poupando apenas Benzema e Carvajal. E o primeiro gol do Celta nasceu exatamente na avenida aberta nas costas de Danilo, no lado direito da defesa. Marcelo até fez malabarismo para cortar o cruzamento, a bola sobrou para Iago Aspas marcar, aos 19 minutos da segunda etapa.

Cinco minutos depois, Marcelo ainda empataria a partida. Kroos cruzou da direita, a zaga afastou e o brasileiro acertou um sem-pulo fortíssimo. A bola desviou na zaga e enganou o goleiro.

De nada adiantou. Na jogada seguinte, num erro na saída de bola, Aspas recuperou e lançou para Jonny Castro, cara a cara com o goleiro Kiko Casilla, fazer o gol da vitória do Celta.

Os dois clubes voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira, em Vigo, com o Celta jogando por um empate ou até mesmo derrota por 1 a 0. Contando as duas competições, a equipe vem de seis vitórias seguidas. No domingo, pega a Real Sociedad pelo Espanhol. O Real joga antes, no sábado, contra o Málaga.