De nada adiantou a ameaça de boicote de diversas equipes grandes do futebol brasileiro: o São Paulo está confirmado na Copa São Paulo de Futebol Júnior do ano que vem. O clube tricolor é acusado de aliciar jogadores, entre eles o goleiro Lucão, que saiu da Ponte Preta, e seus rivais ameaçavam não jogar a “Copinha” caso o São Paulo fosse inscrito.

Na segunda-feira o São Paulo anunciou uma lista de 30 jogadores pré-inscritos no torneio e lá estava Lucão, goleiro que deixou a Ponte Preta na véspera de completar 16 anos, idade mínima para assinar o primeiro contrato profissional. Os clubes rebeldes reclamam de aliciamento da equipe do Morumbi e condicionavam a participação na Copinha à exclusão do São Paulo, o que não aconteceu.

Nesta terça a Federação Paulista de Futebol divulgou a tabela da Copa SP com o São Paulo jogando em Barueri, no Grupo W, que também tem o Grêmio Barueri, o Auto Esporte (Paraíba) e o Kashiwa Reysol – desde 1996 um time do Japão não era convidado e a novidade coincide com a venda do naming rights do torneio para a Hitachi, empresa japonesa.

A competição vai começar no dia 3 de janeiro e terá a final, como sempre, no dia 25 do mesmo mês, no aniversário da cidade de São Paulo. Participam do torneio 104 clubes, divididos em 26 grupos. Avançam os campeões de cada chave mais os seis melhores segundos colocados. Depois a competição segue em mata-mata.

Com 104 clubes, a Copa São Paulo chega ao fim do alfabeto. Com um grupo (e quatro times) a mais do que o ano passado, a FPF recorreu à criação do Grupo Y, que não existia em 2013. Agora não existem mais letras do alfabeto para inflar a competição.

GRUPOS – O Palmeiras ficará em São Carlos, jogando contra os donos da casa, o Piauí e o Fluminense de Feira de Santana (Bahia). O Corinthians enfrentará, em Limeira, a Inter, o XV de Piracicaba e o Tuna Luso, do Pará. Já o Santos atuará em casa contra Alecrim (Rio Grande do Norte), Capital CF (Distrito Federal) e Criciúma.

Dos cariocas, o Fluminense jogará em São José do Rio Preto, o Flamengo em Bauru, o Vasco em Suzano e o Botafogo em Osasco. O Inter está no grupo de Marília e o Grêmio no de Taboão da Serra. O Cruzeiro vai a Taubaté enquanto o Atlético Mineiro ficará em São Paulo mesmo.