A seleção argentina começa nesta terça-feira a se preparar para os dois confrontos finais e decisivos pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2010, contra o Peru, no próximo sábado, em Buenos Aires, e Uruguai, quatro dias depois, em Montevidéu.

Para iniciar a preparação para os confrontos, o técnico Diego Maradona resolveu convocar o volante Braña, do Estudiantes, que se tornou o 27.º jogador chamado para o duelo contra os peruanos, no qual apenas uma vitória interessa aos argentinos. Braña foi chamado para o caso de Mascherano, que se recupera de lesão muscular, não conseguir se recuperar a tempo para o confronto.

Assim como Mascherano, o zagueiro Fabián Monzón, do Boca Juniors, também se recupera de uma contusão muscular e preocupa Maradona. Na atividade marcada para a próxima tarde, o treinador argentino ainda não poderá contar com Higuaín, Heinze e Luiz González, que chegam apenas nesta noite da Espanha, onde defendem clubes do país.

Vinda de três derrotas consecutivas nas Eliminatórias da Copa, a Argentina está na quinta posição do qualificatório, com 22 pontos, um atrás do Equador, que hoje estaria classificado automaticamente para o Mundial. Caso não consiga passar da quinta posição após os duelos contra peruanos e uruguaios, os argentinos terão de disputar a repescagem para a Copa do Mundo contra o quarto colocado das Eliminatórias da Concacaf, posição que hoje é ocupada pela Costa Rica.