O Arsenal anunciou nesta sexta-feira a contratação do atacante marroquino Marouane Chamakh, após meses de rumores em relação ao seu futuro. Depois de ter encerrado o contrato com o Bordeaux, ao fim da temporada europeia, o jogador de 26 anos ficou livre para se transferir para o clube inglês.

Chamakh comandou o Bordeaux no título do Campeonato Francês na temporada 2008/2009. Na passagem pelo time, ele atuou em 293 partidas, marcando 79 gols. O jogador não esconde a empolgação de defender a equipe inglesa. “É um sonhos se tornando verdade. Meu objetivo sempre foi jogar no Campeonato Inglês e, sem qualquer hesitação, o Arsenal é o meu clube preferido”, avaliou o atacante.

O treinador Arséne Wenger elogiou a nova contratação do Arsenal. Ele é um jogador que nós estávamos querendo há algum tempo. Eu sei que ele acrescentará grande qualidade ao nosso grupo”, afirmou o técnico, que espera mais reforços no grupo para a próxima temporada.

Entre os atletas cotados para vestirem a camisa do Arsenal estão o volante brasileiro Felipe Melo, da Juventus, e do meia Joe Cole, que está no Chelsea. Entretanto, o zagueiros Sol Campebel e William Gallas dificilmente ficam no clube.

O grande objetivo do Arsenal durante a janela de contratações é manter na agremiação o meia Cesc Fábregas, que se recupera de uma fratura na fíbula. O Barcelona demonstra interesse em contratar o jogador. “Nós não queremos perdê-lo e faremos de tudo que estiver ao nosso alcance. Nós não tivemos nenhuma abordagem oficial deles (diretores do Barcelona)”, enfatizou o presidente Peter-Hill Wood.