Eduardo Barros foi desligado do Athletico. Foto: Albari Rosa/Foto Digital/Tribuna do Paraná

O Athletico demitiu o técnico interino Eduardo Barros e o auxiliar Rogério Corrêa, ex-jogador e campeão brasileiro pelo clube em 2001, nesta quinta-feira (22). A informação da demissão de Barros e Corrêa é da rádio Banda B.

Desta forma, Paulo Autuori, contratado para ser diretor técnico do clube, vai ser o treinador até o fim da temporada.

“Conversando com o Paulo André e com o William Thomas, o melhor será que o Autuori acumule essa função até o término dos campeonatos que nós estamos disputando”, disse Petraglia, em um vídeo no site oficial do clube.

+ Confira a classificação completa do Brasileirão!

“A partir de fevereiro do ano que vem, nós contrataremos outro treinador e o Autuori ficará exclusivamente como diretor técnico”, complementou o presidente.

Retrospecto de Barros

Eduardo Barros assumiu o time principal do Athletico no começo de setembro, no lugar de Dorival Júnior. No total, foram 14 jogos no comando da equipe, com quatro vitórias, cinco empates e cinco derrotas, com 40,4% de aproveitamento.

Petraglia explica mudanças no Athletico:

+ Mais do Furacão:

+ Walter, Lucas Halter e funcionários do Athletico voltam do Uruguai
+ De sensação do Brasil a futebol pífio: Athletico decepciona após faturar R$ 500 milhões


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?