O técnico Eduardo Barros analisou de forma positiva a mudança feita na derrota do Athletico para o FC Cascavel por 1 a 0, neste domingo (09), pelo Campeonato Paranaense, em que optou por entrar com três zagueiros, com Luan Patrick no setor, dando maior liberdade para Jáderson avançar ao ataque.

“Em relação às situações ofensivas do jogo sim, eu gostei. Nós tivemos o controle do duelo no primeiro tempo, com um volume maior de finalizações que o FC Cascavel. Muito disso aconteceu pela construção com a linha de três. Com a liberação do Jáderson para a linha da frente, abriu um espaço e quem tinha a melhor característica para fazer isso era o Luan Patrick. Ele foi muito bem na partida”, disse o treinador em entrevista coletiva após o jogo.

Eduardo respondeu sobre a possibilidade de manter os três zagueiros na construção nos próximos jogos. “Não tem nada decidido, vamos ver quem terá condição e quem teremos à disposição”.

+ Veja o gol da partida entre FC Cascavel e Athletico

Apesar de ter chegado ao seu terceiro jogo seguido sem vitória, o treinador viu com bons olhos o desempenho da equipe e lamentou o resultado. “Na minha análise, no primeiro tempo, tivemos um volume maior de finalizações, muito disso pela construção da linha de três. Foi um jogo equilibrado e merecíamos sair daqui com um ponto”, completou Eduardo.

+ Confira a tabela e a classificação do Campeonato Paranaense!

Na quinta colocação com dez pontos, o Rubro-Negro tem uma semana para trabalhar e se preparar para o duelo contra o Toledo, que briga contra o rebaixamento, no sábado (15), às 17h, na Arena da Baixada.