A convocação do lateral-esquerdo Renan Lodi foi muito comemorada pelo jogador, mas não será concretizada. O Athletico já entrou com um pedido junto à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para que ele seja dispensado da disputa do Torneio de Touloun.

+ Leia também: Furacão terá desfalques na Copa do Brasil

A justificativa é que como a competição será realizada entre os dias 1º e 15 de junho, na França, os jogadores terão que se apresentar em 27 de maio, apenas dois dias antes da partida do Furacão contra o River Plate, pela volta da Recopa Sul-Americana, no Monumental de Nuñez, na Argentina.

+ Mais na Tribuna: Ex-jogador do Furacão é dispensado via WhatsApp

Como o torneio não é uma data Fifa, os clubes não tem a obrigação de liberarem seus jogadores para as seleções. Em cima disso, o Rubro-Negro não irá liberar Renan Lodi, que está garantido nas finais da Recopa.

Confira a nota oficial do Athletico:

O Athletico Paranaense recebeu, no início da tarde desta quarta-feira (15), documento informando sobre a convocação do lateral-esquerdo Renan Lodi para a Seleção Olímpica.

Com jogos decisivos pela frente, como a disputa inédita da Conmebol Recopa, o Clube enviou ofício à Confederação Brasileira de Futebol solicitando que o atleta seja desconvocado.

A Seleção Olímpica disputará o Torneio de Toulon, entre 1º e 15 de junho. A apresentação dos convocados pelo técnico André Jardine será no dia 27 de maio.

Com a convocação, Renan Lodi desfalcaria o Athletico nos jogos decisivos contra o River Plate [Conmebol Recopa] e o Fortaleza [Copa do Brasil], além de três partidas pelo Brasileirão 2019, contra Fluminense, Palmeiras e Goiás.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!