Daqui 11 dias, o Athletico irá disputar sua primeira taça em 2020. Em 16 de fevereiro, o Furacão encara o Flamengo, às 11h, no Mané Garrincha, em Brasília, pela decisão da inédita Supercopa do Brasil, torneio criado pela CBF, que colocará todos os anos frente a frente os campeões da Copa do Brasil e do Campeonato Brasileiro da temporada anterior.

No entanto, mais do que um troféu – e a chance de ser o primeiro a conquistá-lo -, em jogo estará uma grande bolada. Para forçar os times a jogarem com força máxima, a Confederação Brasileira de Futebol estipulou uma premiação de R$ 5 milhões para o vencedor, enquanto o vice leva para casa R$ 2 milhões.

Ou seja, o Rubro-Negro já entrará em campo com um quantia garantida, mas que pode mais que dobrar se vencer a partida. Até por isso o time vem se preparando de forma intensa para o duelo com o Flamengo.

Em relação aos ingressos, toda a arrecadação ficará com a CBF, que é quem tem todos os custos do evento. A capacidade do Mané Garrincha é de 71 mil lugares, mas, até agora, pouco mais de 21 mil bilhetes foram vendidos. Os preços variam entre R$ 100 e R$ 500. Quem quiser comprar o ingresso, pode acessar o site do Futebol Card.

+ Mais do Furacão:

+ Deputados questionam sobre dívida da Arena e TCE-PR responde
+ Corinthians e Palmeiras seguem disputa por Rony
+ Técnico do Flamengo enche a bola do Furacão: “Muito forte”