O Athletico estreia na Libertadores 2020 na próxima terça-feira (3), às 21h30, contra o Peñarol, do Uruguai, na Arena da Baixada. E se não contratar ninguém até sexta-feira (28), quando se encerram as inscrições para a fase de grupos da competição, terá gastado apenas 100 mil euros para reforçar o elenco para o torneio mais importante do ano.

De acordo com o site Transfermarkt, o Furacão pagou cerca de R$ 484 mil (na cotação atual) para contratar o meia Fernando Canesin, que veio do futebol da Bélgica. O investimento foi o único do clube nas cinco caras novas para o início de temporada.

Também chegaram o zagueiro Pedrão, do Palmeiras, o meia Marquinhos Gabriel, do Cruzeiro, e o goleiro Jandrei, do Gênoa, da Itália, todos por empréstimo sem custo.

O atacante Carlos Eduardo, por outro lado, veio cedido pelo Palmeiras por três anos com obrigação de compra de 20% dos direitos econômicos no final de 2020. Porém, como o valor foi abatido da venda do atacante Rony ao Porco, o Rubro-Negro nem sequer precisará desembolsar os R$ 5 milhões devidos.

Carlos Eduardo teve valor abatido na compra de Rony pelo Palmeiras. Foto: Albari Rosa/Foto Digital/Tribuna do Paraná

A escassez de reforços não é diferente nos rivais do Grupo C da Libertadores. A contratação mais cara foi feita pelo chileno Colo-Colo, que trouxe o atacante Nicolás Blandi por 1 milhão de euros (cerca de R$ 4,8 milhões).

O uruguaio Peñarol gastou 420 mil euros, aproximadamente R$ 2 milhões, em duas contratações: o meia Joaquín Piquerez, do Defensor, e o zagueiro Gary Kagelmacher, do KV Kortrijk. Outros oito jogadores também chegaram sem custos, mesma tática do boliviano Jorge Wilstermann.

Os Aviadores, que enfrentaram o Athletico na última edição da Libertadores, contrataram cinco atletas para a temporada. O zagueiro Marco Torsiglieri chegou sem custos do Gimnasia y Esgrima, enquanto os outros quatro reforços, todos do futebol local, não tiveram valor revelado.

Confira as contratações dos times do Grupo C:

Athletico

Carlos Eduardo – atacante (Palmeiras)
Fernando Canesin – meia (KV Ostende) – 100 mil euros
Jandrei – goleiro (Genova)
Marquinhos Gabriel – meia (Cruzeiro)
Pedrão – (Palmeiras)

Colo-Colo

Nicolás Blandi – atacante (San Lorenzo) – 1 milhão de euros
Miguel Pinto – goleiro (O’Higgins)
Léo Valencia – meia (Botafogo)
Matías Fernández – meia (Necaxa)
César Fuentes – volante (Universidad Católica)

Jorge Wilsterman

Marco Torsiglieri – zagueiro (Gimnasia)
Jaime Arrascaita – meia (Bolívar)
William Álvarez – atacante (Aurora)
Didí Rorrico – meia (San Jose)
Paul Arano – meia (Blooming)

Peñarol

Joaquín Piquerez – meia (Defensor-URU) – 270 mil euros
Gary Kagelmacher – zagueiro (KV Kortrijk-BEL) – 150 mil euros
Robert Herrera – zagueiro (Pachuca-MEX)
Krisztián Vadócz -meia (Honvéd-HUN)
Matías Britos – atacante (Correcamino-MEX)
Christian Bravo – atacante (Wanderers-URU)
Juan Acosta – lateral (Cerro Largo-URU)
Denis Olivera – meia (Danubio-URU)
Jonathan Urretaviscaya – atacante (Monterrey-MEX)

+ Mais do Furacão:

+ Athletico tem tempo reduzido pra inscrever jogadores pra Libertadores
+ Presidente do Coritiba detona Athletico por dívida da Arena