Com um time alternativo, o Athletico bateu o CSA em Maceió, por 4×0 e garantiu três importantes pontos no Campeonato Brasileiro. Neste sábado (20), ao vencer o time alagoano no estádio Rei Pelé, o Furacão também confirmou um importante feito: a primeira vitória fora de casa na temporada. O Rubro-Negro soma agora 14 pontos.

Entre os 11 iniciais que entraram em campo, apenas o volante Wellington é titular do time de Tiago Nunes. Isso porque a preocupação do time atleticano é o compromisso de quarta-feira (24), contra o Boca Juniors, pela Copa Libertadores na Arena da Baixada. Wellington cumpre suspensão automática e não poderá entrar em campo contra os argentinos.

+ Leia mais: Veja como foi o jogo entre CSA e Athletico

Dinate do CSA, o Furacão começou errando muitos passes e dando possibilidades ao adversário, mas foi se encontrando em campo aos poucos. Ainda que estivesse na casa do adversário e sem seu time principal, o Athletico ‘ acordou’ depois dos 10 minutos e pressionava. Foram duas boas chances de marcar antes dos 20 minutos de partida. Aos 14, o lateral-esquerdo Abner Felipe conseguiu finalizar de primeira e Jordi teve que subir no ângulo para afastar o perigo. Já aos 19, Vitinho, que marcou o gol de vitória contra o Internacional na última rodada do Brasileirão, quase assinalou mais um. Thonny Anderson arrisca e o goleiro Jordi espalma. O rebote fica com o atacante que bate forte, mas o arqueiro do CSA evita o prejuízo.

E de tanto tentar o Rubro-Negro conseguiu sair na frente. Aos 41 minutos, depois de lançamento de Vitinho na linha de fundo, Madson, livre, subiu e cabeceou para o fundo das redes. Na segunda etapa o técnico Argel Fucks, do CSA, tentou deixar seu time com mais velocidade, promovendo mudanças logo nos minutos iniciais, e a equipe alagoana se jogou para cima em busca do empate. Com isso, abriu possibilidade para o Furacão, que apostava na troca de passes, encontrar mais espaços.

+ Confira a tabela e a classificação do Brasileirão!

O segundo gol começou com Welington na meia cancha, que passou para Bruno Nazário. O meia encontrou Vitinho, que tocou para Abner Felipe, que por sua vez fez o passe para Thonny Anderson empurrar de cabeça para o fundo das redes. Foi o primeiro gol dele com a camisa do Athletico.

O Rubro-Negro teve tranquilidade para saber controlar o restante da partida e seguiu pressionando. Aos 39, Léo Cittadini fez mais um. Pra fechar, o argentino Braian Romero ainda deixou a sua marca no minuto final. O Athletico volta a campo pelo Brasileirão no sábado (27), diante do Cruzeiro no Mineirão. Antes disso, encara o Boca Juniors pela Libertadores na Arena da Baixada.

Ficha técnica
BRASILEIRÃO

1º Turno – 11ª Rodada

CSA 0×4 Athletico

CSA
Jordi; Apodi (Naldo), Ronaldo Alves, Alan Costa e Rafinha; Jean Kléber, Dawhan e Maranhão; Cassiano (Victor Paraíba), Ricardo Bueno e Alecsandro (Jonatan Gomez).
Técnico: Argel Fucks

Athletico
Caio; Madson, Robson Bambu, Pedro Henrique e Abner Felipe; Wellington; Braian Romero, Bruno Nazário (Léo Cittadini), Matheus Rossetto e Vitinho (Jaderson); Thonny Anderson (Tomás Andrade).
Técnico: Tiago Nunes

Local: Estádio Rei Pelé (Maceió-AL)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (FIFA-MG)
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (FIFA-SP) e Ricardo Junio de Souza (MG)
VAR: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Gols: Madson,41, 1ºT, Thonny Anderson, 14, Léo Cittadini aos 39′, Braian Romero aos  2ºT (CAP);
Cartões amarelos: Apodi, Jean Kléber (CSA);Wellington (CAP)

+ Atenção! Você está a um clique de ficar por dentro do que acontece em Curitiba e Região Metropolitana. Tudo sobre nossa regiãofutebolentretenimento horóscopo, além de blogs exclusivos e os Caçadores de Notícias, com histórias emocionantes e grandes reportagens. Vem com a gente!