O Fluminense anunciou na manhã desta segunda-feira (19) a demissão do técnico Fernando Diniz. Talvez o nome mais polêmico do futebol brasileiro na atualidade, o treinador caiu após a derrota do clube carioca para o CSA por 1×0, domingo (18), no Maracanã. Apesar de exaltado por muitos críticos, Diniz novamente fracassou nos resultados – contexto semelhante ao da sua passagem pelo Athletico.

+ Na Arena: Mesmo vencendo o Galo, jogadores do Furacão foram cobrados

Fernando Diniz comandou o Fluminense desde o início desta temporada. Elogiado pelo estilo de jogo que adotou, os maus resultados – eliminação no Campeonato Carioca e na Copa do Brasil – foram relevados pela diretoria do clube carioca. No Brasileirão, foram nove derrotas, e a atual 18ª colocação. Apenas na Copa Sul-Americana a equipe tem bons resultados – joga nesta quinta (22) a ida das quartas de final contra o Corinthians.

+ Confira a classificação do Campeonato Brasileiro!

Ao todo, foram 44 jogos de Fernando Diniz como técnico do Flu, com 18 vitórias, 11 empates e 15 derrotas. Um aproveitamento, somando todas as competições, de 49,2%. O clube carioca já procura novo treinador, e o mais cotado é Abel Braga. O plano é dar uma virada nos resultados – assim como aconteceu no Furacão, quando o incensado Diniz saiu. Da lanterna do Brasileirão do ano passado, o Athletico arrancou com Tiago Nunes, mudando inclusive seu patamar entre os grandes clubes do País.

IMPERDÍVEL!

A edição impressa da Tribuna do Paraná desta segunda-feira (19) está especial! Quem comprar o jornal de hoje, leva pra casa o álbum de figurinhas do Campeonato Brasileiro Séries A e B de 2019. Tudo isso por apenas R$ 2! Não perca!

Foto: Tribuna do Paraná/Eduardo Klisiewicz
Foto: Tribuna do Paraná/Eduardo Klisiewicz