O Colo-Colo, adversário do Athletico no grupo C da Libertadores, iniciou conversas com o técnico Luiz Felipe Scolari. O clube chileno está em crise e busca o nome de um medalhão no mercado.

O entrave é o alto custo do treinador pentacampeão do mundo, que está sem trabalhar desde que deixou o Palmeiras, no ano passado. Além de Felipão, que completou 71 anos em novembro, o argentino José Peckerman, ex-técnico da seleção da Colômbia e atualmente sem clube, também desperta o interesse.

Adversário do Furacão e um dos maiores clubes do Chile, o Colo-Colo é apenas o 14º no campeonato nacional. Outra alternativa mais barata é o argentino Gustavo Alfaro, que comandou o Boca Juniors no ano passado.

O Athletico estreia na Libertadores na próxima terça-feira (3), diante do Peñarol, do Uruguai, às 21h30, na Arena da Baixada. Já o Colo-Colo encara o Jorge Wilstermann, da Bolívia, em Cochabamba, na quarta-feira (4).

+ Mais do Furacão:

+ Athletico divulga lista de relacionados para a Libertadores sem “caras novas”; veja os convocados
+ Santos passa por cirurgia e pode perder a fase de grupos da Libertadores
+ Athletico gastou menos que adversários da Libertadores em reforços