O meia-atacante Nikão foi algo de racismo nas redes sociais depois da vitória do Athletico sobre o River Plate por 1×0, na noite de quarta-feira (22), na Arena da Baixada, pela ida da Recopa. Na sua conta particular do Instagram, o camisa 11 atleticano foi xingado de maneira preconceituosa por torcedores do time argentino.

Também pela sua rede social, o jogador se pronunciou sobre esses xingamentos e lamentou o ocorrido. “Lamentável, em pleno 2019 ainda existir esses tipos de coisa, sou negro com muito orgulho”, protestou.

+ Leia também: Furacão faz a festa de 30 mil torcedores na Arena

Autor do gol da vitória do Furacão, o atacante argentino Marco Ruben foi abordado sobre o episódio e defendeu seu companheiro de time. “É triste. Não podemos dominar as redes sociais, que são tão amplas e qualquer pessoa tem opinião. É focar onde tem bondade de pessoas que querem o bem. Não parece que uma pessoa que faz um comentário desse é uma boa pessoa”, lamentou ele.

Nikão foi vítima de racismo nas redes sociais. Foto: Reprodução/Instagram
Nikão foi vítima de racismo nas redes sociais. Foto: Reprodução/Instagram

Essa não foi a primeira vez que Nikão sofreu com insultos. Em 2015, pela Copa Sul-Americana, quando o Rubro-Negro foi eliminado pelo Sportivo Luqueño, do Paraguaio, o jogador foi alvo do maior fórum de torcedores do time paraguaio,, o ‘La Voz del Hincha Luqueño’.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!