Adversário do Athletico na fase de grupos da Libertadores, o Peñarol, do Uruguai, pode mandar seus jogos no Beira-Rio, em Porto Alegre. A escolha do clube aurinegro se deve por conta da pandemia do coronavírus, uma vez que o governo uruguaio ainda não liberou a prática de esportes no país.

Como a última quinta-feira (20) foi o prazo para que os clubes comunicasse a Conmebol para mudanças de estádio, o Peñarol se antecipou. Caso até a volta do torneio, que acontece no mês que vem, o governo libere as partidas, a equipe continuará jogando no Campeón Del Siglo.

Atual técnico do time, o ex-atacante Diego Forlán foi decisivo para a escolha. Ele atuou no Internacional entre 2012 e 2013 e conhece a estrutura do estádio.

O Furacão venceu o Peñarol antes da paralisação da Libertadores por 1×0, na Arena. O compromisso do segundo turno está marcado para o dia 20 de outubro. O duelo fecha a primeira fase do torneio.

+ Mais do Furacão:

+ Após sentir lesão, Nikão é dúvida no Athletico contra o Fluminense
+ Wellington admite incômodo, mas diz que Athletico não jogou mal em derrotas
+ Silvestre lamenta falhas do Athletico e dispara contra arbitragem


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?