A defesa vem sendo um problema para o Athletico nos últimos jogos. O time foi vazado sete vezes nas últimas cinco vezes que entrou em campo e a explicação para isso pode ser a falta de opções na zaga, que perdeu peças importantes recentemente.

De maio pra cá, o Furacão viu Paulo André se aposentar e Thiago Heleno ser pego no antidoping, já estando há mais de três meses sem poder jogar e a Conmebol sequer se manifestar a respeito da decisão do julgamento dele e do volante Camacho.

+ Leia também: Desde a saída de Renan Lodi, Furacão perdeu desempenho

“O que fugiu do nosso planejamento foi a questão do Thiago Heleno, porque, em questões normais, nós o teríamos em condições para jogar. Nós tínhamos a ideia, desde o Estadual, de usar o Lucas Halter e sabíamos da aposentadoria do Paulo André. Dentro do mercado, não encontramos um jogador de alta capacidade que viesse, pudesse vestir a camisa do Athletico e já saísse jogando. E eu não digo isto só na questão técnica, mas também na questão salarial que o clube pode atingir. Isto também é algo que pesou para não trazermos mais um defensor. A ideia era que o Thiago estivesse à disposição e talvez isso tenha atrapalhado a questão do número de jogadores”, afirmou o Tiago Nunes.

+ Mais na Tribuna: Postagem de Nikão nas redes sociais gera polêmica

Neste meio tempo, apenas Pedro Henrique, que veio emprestado pelo Corinthians, foi contratado, deixando o setor apenas com jovens à disposição. Além dele, estão no elenco Léo Pereira, Lucas Halter e Robson Bambu. Na parada para a Copa América, o Rubro-Negro até tentou trazer o argentino Alexander Barboza, que se destacou no Defensor y Justicia, mas acabou indo para o Independiente.

Porém, os problemas não param por aí. Para o duelo de volta da semifinal da Copa do Brasil, contra o Grêmio, que acontece no dia 4 de setembro, às 19h15, na Arena, o treinador não poderá contar com Léo Pereira, suspenso, e Pedro Henrique, que já jogou a competição pelo Corinthians. Com isso, a dupla de zaga será formada por Lucas Halter e Robson Bambu.

+ Confira a classificação completa do Brasileirão!

Os dois, aliás, já serão titulares contra o Ceará, no sábado (31), às 19h, também na Arena da Baixada, pelo Campeonato Brasileiro. Isto porque Léo Pereira também está suspenso no Brasileirão e, assim, Tiago Nunes já deve escalar a dupla visando a decisão da semana que vem.